Início » Celular » Modem 5G da Qualcomm atinge 1 Gb/s em primeiro teste

Modem 5G da Qualcomm atinge 1 Gb/s em primeiro teste

Por
2 anos atrás

O Snapdragon 636 não é a única novidade que a Qualcomm reservou para esta semana. A companhia também revelou que o primeiro teste em uma rede 5G feita a partir de um smartphone foi um grande sucesso: o modem Snapdragon X50 5G NR conseguiu bater a marca de 1 Gb/s (gigabit por segundo) no download. O melhor de tudo é que essa tecnologia não deve demorar muito para chegar ao mercado.

Snapdragon X50 5G NR

Há um ano que o Snapdragon X50 foi anunciado, vale relembrar. Na ocasião, a Qualcomm explicou que o modem suporta frequência de ondas milimétricas (mmWave) em 28 GHz. Naturalmente, essa foi a frequência aplicada à rede experimental. Com ela, o smartphone testado atingiu mais de 1 Gb/s, mas a companhia afirma que, quando as especificações do 5G estiverem definidas, o Snapdragon X50 vai chegar à taxa de 5 Gb/s.

Para o teste, a Qualcomm criou um smartphone que lembra os aparelhos atuais, com a tal da “tela infinita”, mas que tem mais espessura do que a média. Isso não significa que os smartphones com o Snapdragon X50 serão assim. Esse é um design de referência, que servirá para que os fabricantes tenham uma base para desenvolver modelos com a tecnologia.

Smartphone Qualcomm - referência

Esse é um detalhe importante porque a Qualcomm teve que desenvolver uma antena de onda milimétrica para que o modem possa funcionar como o esperado em um dispositivo móvel. A antena tem o tamanho de uma pequena moeda. Até duas delas podem ser inseridas no mesmo aparelho. A companhia espera, em até 12 meses, diminuir as dimensões do componente em pelo menos 50%.

De acordo com a Qualcomm, os primeiros dispositivos equipados com o Snapdragon X50 5G NR devem ser lançados no primeiro semestre de 2019. É claro que o aparelho, por si só, não é capaz de alcançar velocidades elevadas: é necessário que redes compatíveis estejam disponíveis.

O X50 à esquerda e o módulo de antena à direita

O X50 à esquerda e o módulo de antena à direita

A previsão é a de que as primeiras redes 5G plenamente funcionais comecem a operar a partir de 2020, o que sugere que a Qualcomm está sendo bastante otimista com relação aos prazos. De qualquer forma, o Snapdragon X50 também é compatível com 3G e 4G, inclusive no padrão Gigabit LTE — a Claro já testa esse tipo de rede no Brasil.

Com informações: The Verge