Início » Negócios » Amazon quer abrir a porta da sua casa para entregar encomendas

Amazon quer abrir a porta da sua casa para entregar encomendas

Faxineiros e outros provedores de serviço também podem destrancar sua porta, se você deixar

Jean Prado Por

A Amazon quer estar dentro da sua casa – literalmente. A empresa anunciou nesta quarta-feira (25) o Amazon Key, serviço que deixa entregadores ou outras pessoas autorizadas a destrancar a porta da sua residência.

Dessa forma, você não precisa estar em casa para receber uma encomenda, faxineiros, alguém que vai passear com seu cachorro, ou até mesmo parentes ou amigos que tiverem autorização.

Quando alguém chegar, a Amazon vai mandar uma notificação avisando que sua porta será aberta – eles vão bater antes de destrancá-la. Depois, a pessoa entra e faz o que ela precisa: entrega algum pacote, limpa a casa ou leva o seu cachorro para uma caminhada.

É possível dar acesso permanente a amigos ou membros da família, ou temporariamente para entregadores, faxineiros e até para quem alugou o seu imóvel para um fim de semana, por exemplo. Também dá para bloquear o acesso da pessoa remotamente.

Para entrar no Amazon Key, você precisa comprar um kit de US$ 249 que vem com uma fechadura inteligente e a Amazon Cloud Cam, câmera de segurança inteligente da empresa. Pela câmera, você consegue ver a sua porta sendo aberta em tempo real – o vídeo também fica gravado.

Segundo o The Verge, a Amazon quer integrar mais de 60 profissões e 1.200 provedores de serviço ao Amazon Key. A empresa não recomenda usar o Key se você tiver um bicho de estimação que tem acesso à porta da frente.

Por enquanto, ainda há restrições: o serviço só funciona com assinantes do Amazon Prime, só pode ser usado nos Estados Unidos e apenas quando a entrega for feita pela Amazon Logistics, empresa de logística da própria Amazon.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Cristina Nascimento
Não precisa ser onipresente. A tv mostra a onda de violência no país todo. O pior cego é aquele que não quer enxergar a realidade e o descaso que vivemos. Quase não tem pra onde correr neste Brasil.
Ricardo - Vaz Lobo
Como moro no Rio e trabalho no bairro mais perigoso da cidade, é mais fácil de ter uma ideia de como funcionam as coisas por aqui e não ficar teorizando como funciona o Alagados 2, em Salvador. Morei no Capão Redondo e também adquiri algum expertise por lá. Deixo a onipresença e a onisciência para seres mais iluminados.
Jordan Pablo
Nossa, deve ser maravilhoso. Um sonho distante, nao volte pra cá nao cara.
Adriano
Amigo, a baixa autoestima a que você se refere, é justamente o resultado do mau funcionamento de tudo no Brasil. Um país onde o cidadão é sistematicamente achacado pelo seus governantes, pelo sistema político vigente, e pelas dificuldades impostas pela falta do básico, autoestima é quase uma utopia. É impossível mudar? Evidente que não entretanto, não consigo ver na geração atual, capacidade para tal.
Shrueak

Muito pelo contrário, melhorar a nossa moral, ajudaria MUITO na cabeça do nosso povo. Você está pondo palavras em meu texto, eu disse que podemos SIM mudar e exigir melhora. Porem isso so virá depois que deixarmos ter essa baixa autoestima tão grande. Você é quem está vendo apenas um lado, grande teimosia sua.
O nosso povo acha que não tem poder, mas na verdade o poder esta no povo, do pobre ao rico.

Arthur Estevam
Muito pelo contrário, melhorar a nossa moral, ajudaria MUITO na cabeça do nosso povo. Você está pondo palavras em meu texto, eu disse que podemos SIM mudar e exigir melhora. Porem isso so virá depois que deixarmos ter essa baixa autoestima tão grande. Você é quem está vendo apenas um lado, grande teimosia sua. O nosso povo acha que não tem poder, mas na verdade o poder esta no povo, do pobre ao rico.
Adriano
Eu moro em uma vila onde não há muros, portões e os carros ficam no quintal de frente para a rua. Minha esposa deixa carteira e documentos dentro do carro sem trancá-lo, inclusive de noite, e nunca houve um incidente de furto.
Adriano
Você tem carro? Já viajou de avião? Tecnologias eventualmente falham, o que não significa que se tornem um problema a ponto de serem rejeitadas por conta disso.
Adriano
Sou programador. Agora, o que é que pode viciar?...trabalho?
Cristina Nascimento
Pq no Rio? Só no RJ q tem violência? O resto do pais tá um mar de rosas, né?
Cristina Nascimento
Na Holanda e alguns poucos países europeus e asiáticos nem precisa de tnt frufru, as pessoas são educadas. Ver o q não é dela é o mesmo q ver cocô, nem chegam perto. Agora países como EUA, Brasil e outros tem q ter mil e um macetes de segurança. Palhaçada, isso, mas fazer o q. Graças a Deus q eu sou uma das poucas pessoas q não pego nada q não seja meu sem permissão.
S Y N T H W A V E + L O V E R

Nos EUA ou outro país de gente civilizada, quando você não está em casa, a encomenda fica na sua porta. Passa duas semanas ou o tempo que for, ninguém mexe no produto... Já aqui...

Peacemak3R
Nos EUA ou outro país de gente civilizada, quando você não está em casa, a encomenda fica na sua porta. Passa duas semanas ou o tempo que for, ninguém mexe no produto... Já aqui...
Cobalto
Te falar que me apresentaram esse negócio aí, falaram que era maneiro, que eu devia provar. Experimentei algumas vezes mas não curti muito não. Resolvi parar ali mesmo, vai que essa porra vicia. Foi de empreiteira ou trabalho técnico especializado?
Adriano
Pois é, aqui onde eu moro, o jardim também é bem cuidado. O outro logo acima, diz que existem países piores portanto, o brasileiro deveria se sentir melhor por causa disso, como se a desgraça alheia, fosse uma espécie de consolo para atenuar a tristeza vivida pelo brasileiro, essa que por sua vez, tem sua origem na simples constatação da realidade. “Pra que melhorar ou exigir melhora? Poderia ser pior!” Que mentalidade bacana ??
Exibir mais comentários