Início » Computador » AMD lança processadores Ryzen para notebooks

AMD lança processadores Ryzen para notebooks

Ryzen 7 2700U e Ryzen 5 2500U são os primeiros chips Zen para ultrafinos

Paulo Higa Por

Os primeiros chips Ryzen para notebooks estão entre nós. Com micro-arquitetura Zen e os gráficos AMD Vega, eles querem bater de frente com os processadores Kaby Lake Refresh, prometendo um aumento de até 200% no desempenho em relação à geração anterior de APUs.

São dois modelos, com nomes bem sugestivos: Ryzen 7 2700U e Ryzen 5 2500U, que competem com a família U dos Core i7 e Core i5, voltados para notebooks ultrafinos e com baterias de longa duração. Até o TDP é igual ao dos processadores equivalentes da Intel: 15 watts.

Eis as especificações:

  • Ryzen 7 2700U: 4 núcleos, 8 threads, 2,2 GHz (3,8 GHz em turbo), GPU Vega 10 de até 1.300 MHz e 4 MB de cache L3;
  • Ryzen 5 2500U: 4 núcleos, 8 threads, 2,0 GHz (3,6 GHz em turbo), GPU Vega 8 de até 1.100 MHz e 4 MB de cache L3.

Em relação aos Ryzen para desktops, eles ganharam melhorias no gerenciamento de energia. Antes, o aumento de frequência podia ser feito em dois ou todos os núcleos; com o Precision Boost 2, é possível controlá-los individualmente. Além disso, a GPU pode ficar praticamente “desligada” quando apenas uma imagem estática estiver sendo exibida.

E, claro, os chips suportam as principais tecnologias atuais, como memórias DDR4 de até 2.400 MHz e decodificação de vídeo H.265 de 10 bits com resolução 4K. A AMD diz que é possível chegar a uma média de 59 fps em League of Legends (Full HD, gráficos no médio), 66 fps em Overwatch (HD, baixo) e 49 fps em CS:GO (Full HD, médio). Não é a coisa mais impressionante do mundo, mas é decente para uma GPU de ultrafino.

HP, Lenovo e Acer serão as primeiras a lançarem notebooks com os novos chips Ryzen, ainda neste ano. Outros modelos devem surgir no ano que vem.

Com informações: AnandTech.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Leandro Lima

AMIGO, quem não deveria falar asneira é você, pelo menos nos pc foi comprovado a eficiência e a questão térmica. Mas da pra perceber que só conhece a intel então gasta lá 4 conto em um i7 de um núcleo de processamento com gráfico integrado de 350 mhz. Notebook nem falo, prefiro um processador que frite um ovo mas que abra o paint do que ter uma geladeira que nem isso abre.

Rolinga
poxa, eu tinha esse xp 3200 era uma maravilha.. só usar um cooler bom que ele rodava liso.. belo processador, durou por muitos anos, joguei fora o pc e ele ainda funcionava
Rolinga
esperava um com 6 núcleos pelo menos, decepcionante... 3 ou 4 gerações passadas a os i7qm já tinham configuração parecida
Firmino Gomes
concordo contigo. são excelentes processadores, mas vão esquentar feito a desgraça e a galera já fala como se já fossem donos dos produtos e testado a anos. AMD é sinônimo de calor filho. não importa a lisura, ou arquitetura....
Catena's Beauty Atelier
Aqui no Brasil? Em conversão direta? Não.
EmuManíaco
que mane 4k. tem note de 6OO dolares.
Catena's Beauty Atelier
A 8a geração de core i5 e core i7 pra notebooks vão ser todos quad-core, acho
Catena's Beauty Atelier
Mas os i5 quad pra notebook equipam notebooks gamers de 4k+. Aquela série HQ, eu acho. Os U até a 7a geração eram i5 e i7 dual core.
EmuManíaco
A questão é o pessoal tratando como verdade incontestavel um produto que sequer ainda esta no mercado. Eu mantenho minha descrença mas espero que seja melhor. Laptop é o mercado hoje que precisa de mais evolução. Nao desktop.
ばか

A antiga serie A de APUs possuía iGPU de arquitetura diferenciada feira propriamente para as APUs se lembro bem, enquanto estes ryzen vão usar arquitetura de GPU Desktop ligada com Infinity Fabric.

Considerando os números exibidos nas ultimas apresentações da AMD que depois se mostram veridicos, acho que o resultado final vai ser isso ai mesmo, dependendo do fabricante, mas fazer um note destes com ryzen e memoria Single Channel com certeza vai resultar em menor desempenho em graficos do que o informado nestes slides por exemplo.

Git Gud
A antiga serie A de APUs possuía iGPU de arquitetura diferenciada feira propriamente para as APUs se lembro bem, enquanto estes ryzen vão usar arquitetura de GPU Desktop ligada com Infinity Fabric. Considerando os números exibidos nas ultimas apresentações da AMD que depois se mostram veridicos, acho que o resultado final vai ser isso ai mesmo, dependendo do fabricante, mas fazer um note destes com ryzen e memoria Single Channel com certeza vai resultar em menor desempenho em graficos do que o informado nestes slides por exemplo.
EmuManíaco
i5 quad criatura. se nao conhece nao de pitaco.
Joao Paulo
Dual core não obrigado .
EmuManíaco
Levando em conta a surra que a serie "A" com Apus AMd tomam de um misero intel hd de mesma geração acho meio dificil acreditar nessas promessas. Claro que estou torcendo pra AMD lançar um produto competitivo. Chega de dual core intel... Ja ta na hora de crescer.
EmuManíaco
fica a dica. ultrabook é um nome patenteado amd não pode usar.
Exibir mais comentários