O navegador Edge vem melhorando bastante desde seu lançamento em 2015. Ele ganhou suporte a abas fixadas, extensões, e sincronização com iOS e Android. Infelizmente, ele nem sempre roda os sites direito — e até os funcionários da Microsoft sofrem com isso.

O The Next Web notou que um funcionário da Microsoft precisou pausar sua demonstração ao vivo da plataforma de nuvem Azure para instalar o Google Chrome, porque o site não funcionava com o Edge.

Foto por Isriya Paireepairit/Flickr

Na apresentação, o diretor Michael Leworthy mostra a clientes em potencial como migrar seus aplicativos e dados para o Azure; mas no meio da sessão, o site trava no Edge. Ele hesita um pouco e decide instalar o Chrome para finalizar a demonstração; a plateia aplaude.

Claro, Leworthy desativa o envio de estatísticas para o Google: “não vamos ajudar a tornar o Chrome melhor”, diz ele. Após a instalação, login e autenticação por dois fatores — o que leva cerca de dois minutos — o site do Azure funciona como deveria.

O vídeo está em um dos canais da Microsoft no YouTube, e foi publicado em setembro. Confira a falha na demonstração no ponto 37:10:

O Edge tem suas vantagens: ele é capaz de exibir vídeos da Netflix em Full-HD (Chrome e Firefox estão limitados a 720p), e consegue rodar abas dentro de uma máquina virtual para maior segurança.

No entanto, sua participação de mercado ainda é pequena — 4,3% dos desktops em todo o mundo, segundo o StatCounter — então ele pode ser esquecido por desenvolvedores de sites… incluindo, às vezes, a própria Microsoft.

Com informações: The Next Web.

Tecnocast 070 – É o fim da guerra dos browsers?

Em um passado muito distante (pelo menos em anos de internet), um dos passatempos preferidos dos aficionados por tecnologia era testar vários navegadores diferentes e torcer pela dominância do seu predileto. Navegador (assim como antivírus e sistema operacional) era como time de futebol: você escolhia um e o defendia até o fim.

Mas, segundo Andreas Gal (ex-CTO da Mozilla), esses tempos ficaram para trás. O Chrome não só venceu, como é bem possível que todos os seus concorrentes estejam mortos em dois ou três anos (menos o Safari). Será? Dá o play e vem com a gente!

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

paulo yan

kkkk, foi uma brincadeira. Realmente, ninguém apostaria kkk

Paul

Caraca! Vc ressuscitou um comentário de 1 ano atrás... Kkkk
Mas sério, quem imaginaria que eles iriam tornar o Edge mais uma ''casca'' do Chromium ñ é msm? ¯\_(ツ)_/¯ Hahaha

paulo yan

Acho que você se enganou...

paulo yan

Quem diria que você estaria certo.

johndoe1981

Microsoft fazendo Microsoftice desde sempre kkk

Cássio Amaral
Microsoft fazendo Microsoftice desde sempre kkk
Marcvs Antonivs
Microsoft sendo Microsoft
HeDC.marceloDC

Vergonha é Governo utilizar softwares MICrOsoft.
Software MICrOsoft no Setor Público, Concessões Públicas e afins também é corrupção!

HeDC
Vergonha é Governo utilizar softwares MICrOsoft. Software MICrOsoft no Setor Público, Concessões Públicas e afins também é corrupção!
HeDC.marceloDC

A MICrOsoft poderia respeitar seus "usutários" e BANIR de vez o Uíndous, navegadores, formatos estranhos de arquivos e se tornar uma distro Linux.

HeDC
A MICrOsoft poderia respeitar seus "usutários" e BANIR de vez o Uíndous, navegadores, formatos estranhos de arquivos e se tornar uma distro Linux.
HeDC.marceloDC

Governos corrompidos pela MICrOsoft...
Acessar banco, loja, etc com as desgraças inseguras MICrOsoft...

HeDC
Governos corrompidos pela MICrOsoft... Acessar banco, loja, etc com as desgraças inseguras MICrOsoft...
ʞǝʌǝɥs

a verdade é que o edge tá tosco ainda

Jose X.
a verdade é que o edge tá tosco ainda
Exibir mais comentários