Desde o início do ano, Qualcomm e Apple estão colecionando acusações uma contra a outra. Desta vez, temos mais um processo judicial nos EUA, e ele envolve a Intel.

Segundo a Bloomberg, a Apple recebeu “acesso sem precedentes” ao código-fonte da Qualcomm, com a condição de isolar seus engenheiros das equipes que trabalham com a Intel — ela fornece modems para alguns modelos do iPhone 7/7 Plus e 8/8 Plus.

O processo diz que essa separação não ocorreu: por exemplo, em um pedido da Apple para obter informações proprietárias da Qualcomm, um engenheiro da Intel estava na lista.

Foto por jon jordan/Flickr

Além disso, um engenheiro da Apple que estava trabalhando com a Intel solicitou informações confidenciais sobre a tecnologia da Qualcomm para download de dados.

O processo acusa a Apple de violação de contrato, por não cumprir os termos da licença de software; e de compartilhar informações proprietárias com um concorrente. A Qualcomm também alega que a Apple se recusa a uma auditoria para analisar o manuseio de seu software proprietário.

Segundo o Wall Street Journal, a Apple estaria projetando iPhones e iPads sem modems da Qualcomm, substituindo-os por componentes da Intel e MediaTek. A Bloomberg estima que, se isso acontecer, a receita da Qualcomm poderia cair em 7,5%.

Com informações: Bloomberg, Engadget.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Gertrudes, a Lhama Morta

Nem tão bela... prefiro o design dos iPhones 4/5 ao do 6/6s/6ss(7)/6sss(8)

Gertrudes, a Lhama
Nem tão bela... prefiro o design dos iPhones 4/5 ao do 6/6s/6ss(7)/6sss(8)
Cristiano Hahn
Depois da morte de SJ a apple se tornou uma bela porcaria!
Anti anarcocapitalista
Imagine os advogados de defesa na Lava Jato querendo ir para o estates...
Shrueak

Eu vou é acusar as duas de já estarem enchendo o saco.

Arthur Estevam
Eu vou é acusar as duas de já estarem enchendo o saco.
Renan
Melhor negócio do ano é ser advogado da Apple ou da Qualcomm