Início » Negócios » Empresa arrecada US$ 347 mil em criptomoeda e some

Empresa arrecada US$ 347 mil em criptomoeda e some

Felipe Ventura Por

Quando uma empresa quer levantar dinheiro — seja para crescer ou se renovar — ela tem algumas opções: pedir um empréstimo, procurar investidores, ou abrir o capital na bolsa de valores.

Mais recentemente, surgiu outra forma de fazer isso: criar e vender tokens baseados em criptomoeda. Uma startup fez isso, arrecadou US$ 374 mil e, segundo o Motherboard, desapareceu da internet.

Ethereum

A Confido prometia desenvolver um app para realizar pagamentos e acompanhar o trajeto de mercadorias usando o blockchain (saiba mais sobre essa tecnologia aqui). Ela fez um ICO vendendo tokens baseados em Ethereum entre 6 e 8 de novembro.

O ICO, sigla em inglês para “oferta inicial de moedas”, consiste em vender tokens (geralmente baseados no Ethereum) para investidores. Você pode ficar com essas moedas até que a empresa decida comprá-las de volta; ou pode vendê-las para outros usuários — é como negociar ações na bolsa de valores.

Então, no domingo, a Confido apagou sua presença online. O site está fora do ar; a conta no Twitter foi removida; uma mensagem postada no Medium foi rapidamente apagada; e sua comunidade no Reddit agora é privada.

Joost van Doorn, que seria o fundador da Confido e um ex-funcionário do eBay, tinha um perfil no LinkedIn — mas até isso foi removido. Ele disse na mensagem apagada:

… estamos em uma situação complicada, pois tivemos problemas jurídicos causados ​​por um contrato que assinamos. Assinamos o contrato com a garantia do nosso assessor jurídico de que havia um risco mínimo e de que isso não seria um problema. Não posso e não vou entrar em detalhes, mas ele estava errado.

Enquanto isso, os investidores perderam o dinheiro que investiram. Cada token valia US$ 1 antes do ocorrido; agora, eles são vendidos por um centavo de dólar. Eli Lewitt, co-fundador da TokenLot, que realizou o ICO em nome da Confido, diz ao Motherboard: “esses golpistas foram muito bons”.

Só este ano, o valor total arrecadado em ICOs ultrapassou US$ 1,6 bilhão no mundo inteiro. A China proibiu essa prática em setembro, dizendo que ela “perturbou seriamente a ordem econômica e financeira” do país. No Brasil, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) diz que operações de ICO estão sujeitas a risco de fraudes e pirâmides financeiras, lavagem de dinheiro e evasão de divisas.

Com informações: Motherboard, TechCrunch.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Felipe Costa Gualberto
Pois é, tô desesperado com o tanto que o Bitcoin tá caindo.
Anti anarcocapitalista
Não... elas caem de valor por si mesmas. :p
Kazz
"Criptomoeda é pirâmide" é o novo "pave ou pa comê" ou "na ditadura era melhor". Toda vez que alguém faz um comentário desses eu só consigo imaginar aqueles tiozões destilando seu vasto "conhecimento de causa" por trás do teclado.
Mago Erudito®
Criptomoedas e em especial o Bitcoin não são esquemas de pirâmide, mas gente mau intencionada se aproveita da falta de conhecimento das pessoas para aplicar golpes. Esses dias mesmo a PF desarticulou uma quadrilha que vendia títulos de ouro do tempo do império, isto é, sempre tem trouxa que cai nesses esquemas achando que é espertalhão e vai lucrar 30%a.m. Pra investir em Bitcoin não tem milagre: Compre, guarde numa carteira e faça backup. Bem simples!
Felipe Costa Gualberto
As criptomoedas não precisam ser defendidas.
Anti anarcocapitalista
Cidadão defensor das criptomoedas deteced.
Anti anarcocapitalista
Sua analogia contém um erro: Banco Central é uma coisa. Criadora de moeda digital é outra. Uma fabrica dinheiro a partir dos pedidos públicos. Outra é livre para criar os parâmetros que quiser para gerar o dinheiro.
Anti anarcocapitalista
Já dizia a velha personagem da Praça é Nossa... https://www.youtube.com/watch?v=h82ubdpkHUc
mmarquete
Olha só em dias atuais já ta difícil arrumar dinheiro de verdade imagina virtual
Aloísio
Criptomoedas são sim pirâmide,que basicamente depende do recrutamento de outros(sob o manto do investimento) para dar certo. Só para citar algumas características de uma pirâmide financeira: 1ª) Vendas efetuadas num tom exagerado. 2ª) Pouca ou nenhuma informação dada sobre a empresa. 3ª) Promessas vagamente enunciadas sobre rendimentos potencialmente ilimitados. 4ª) Nenhum produto real ou um produto que é vendido por um preço ridiculamente acima do seu real valor de mercado. 5ª) Uma renda (alta) que dependa prioritariamente do recrutamento de novos associados(investidores), em vez da efetiva venda dos produtos. 6ª) A tendência de que só os inventores/primeiros associados tenham alguma renda real. 7ª) Garantias de que é perfeitamente legal participar. 8ª) Procurar um comércio que aceite essas "moedas" no seu bairro e descobrir que ninguém aceita.Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...
Felipe Costa Gualberto
Cidadão que não sabe porcaria nenhuma sobre criptomoedas detected.
brunocabral
Ao contrário da poupança, não dá para processar o emissor das criptomoedas.
brunocabral
Só que quando o Collor confiscou as poupanças, as pessoas entraram na justiça e muitas conseguiram reaver o dinheiro. Fora que não era um período normal, era a hiperinflação. E as poupanças viraram caça niquel. O governo no desespero de conter a hiperinflação, confiscou tudo
Programador Front-End
vilão de QUALQUER filme, bela escolha de nome de golpista
Renan
Poupança era considerado investimento seguro antes de Collor. Hoje temos uma emenda constitucional para evitar aquela trapalhada.
Exibir mais comentários