Início » Legislação Negócios » Apple acusa Qualcomm de infringir patentes no Snapdragon 800 e 820

Apple acusa Qualcomm de infringir patentes no Snapdragon 800 e 820

Por
25 semanas atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

A briga entre Apple e Qualcomm vem se estendendo há quase um ano. As duas trocam acusações sobre violação de propriedade intelectual, cobrança abusiva de royalties e outros problemas. No episódio mais recente, a empresa de Tim Cook decidiu processar a Qualcomm por infringir patentes nos processadores Snapdragon 800 e 820.

Não há muitas informações públicas sobre o processo. Segundo a Reuters, a Apple acusa a Qualcomm de violar pelo menos oito patentes relacionadas à bateria. Essas tecnologias permitem que um processador consuma o mínimo de energia possível, desligando partes que não são necessárias e reduzindo o gasto de bateria quando o smartphone está em standby.

Isso, na verdade, é um contra-ataque: a Qualcomm havia processado anteriormente a Apple por violar essas e outras patentes; no entanto, a Apple afirma que investiu nas tecnologias de redução de consumo de bateria antes mesmo da Qualcomm. Por isso, a dona dos iPhones quer uma reparação de danos, mas os detalhes não foram divulgados.

Enquanto as disputas correm na justiça, a Apple procura depender menos da Qualcomm, priorizando modems desenvolvidos pela Intel; a Qualcomm, por sua vez, vê seus lucros despencarem devido à interrupção do pagamento de royalties por parte da Apple e suas parceiras de montagem de iPhones.

Mais sobre: ,