Início » Mobile » Administradores poderão restringir envio de mensagens em grupos do WhatsApp

Administradores poderão restringir envio de mensagens em grupos do WhatsApp

Por
50 semanas atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

Tem mais novidade chegando no WhatsApp: o blog especializado WABetaInfo descobriu que os administradores de um grupo poderão desativar o envio de mensagens para usuários comuns — o grupo funcionaria apenas para ler o que foi enviado, tornando-o parecido com um canal do Telegram.

O recurso está sendo chamado de grupos restritos e funciona de forma um pouco diferente em relação ao Telegram: administradores continuam enviando mensagens a partir do seu perfil (não em nome do grupo), e há um botão para o usuário entrar em contato com quem controla o grupo.

Alterações desse tipo em um grupo só podem ser feitas a cada 72 horas, período que é definido no servidor do WhatsApp e pode ser alterado quando o recurso for lançado oficialmente.

Outras novidades já descobertas anteriormente também reforçam o poder dos administradores em grupos. Será possível proibir membros comuns de alterar o assunto, ícone e descrição de um grupo. Sempre que qualquer mudança é feita, os usuários são avisados pelo aplicativo.

Por fim, no WhatsApp beta, administradores ainda podem buscar membros no grupo e remover mais de um participante de uma vez — a não ser que ele tenha criado o grupo. Este não poderá mais ser removido pelos administradores.

Recentemente, o WhatsApp também ganhou um recurso para facilitar a gravação de mensagens de voz, outro recurso emprestado do Telegram. O mensageiro comprado pelo Facebook também não foi o primeiro a permitir apagar mensagens já enviadas, ou autorizar o envio de qualquer arquivo.

Mais sobre: