Início » Celular » Fabricante de smartphones Vivo vai adotar leitor de digitais sob a tela

Fabricante de smartphones Vivo vai adotar leitor de digitais sob a tela

Por
1 ano e meio atrás

Dispositivos como o Samsung Galaxy S8 e o iPhone X têm bordas finas para comportarem telas maiores. Isso significa que não há espaço na parte frontal para o leitor de digitais — que acaba indo para a traseira, ou sendo totalmente removido.

A Synaptics promete uma solução alternativa: um leitor de digitais que fica sob a tela. O Clear ID FS9500 funciona com as mãos “molhadas, secas ou frias”, e está sendo produzido em massa para “uma fabricante no top 5” de vendas. Se nosso palpite estiver correto, é melhor não se empolgar.

Atualização em 15/12: nosso palpite estava correto. A fabricante chinesa Vivo (sem relação com a operadora brasileira) confirmou à Forbes que vai usar o novo sensor da Synaptics, e demonstrou um protótipo funcional. O texto original segue abaixo.

Como lembra o SlashGear, as cinco fabricantes que mais vendem smartphones no mundo são a Samsung, Apple, Huawei, Oppo e Vivo. Dependendo do trimestre, a Xiaomi também aparece no ranking.

A Samsung provavelmente não deve adotar o leitor abaixo da tela. Rumores dizem que o Galaxy S9 terá o sensor na traseira, abaixo da câmera; e os novos Galaxy A8 e A8+ seguirão essa linha.

Por sua vez, a Apple provavelmente não terá um Touch ID abaixo da tela, especialmente após investir pesado no Face ID. O reconhecimento facial deve aparecer até mesmo em futuros iPads.

Isso nos deixa com várias fabricantes chinesas, e nenhuma delas tem forte presença no Brasil. Em junho, a Vivo demonstrou uma versão modificada de seu smartphone XPlay 6 com leitor de digitais abaixo da tela. Isso usa tecnologia da Qualcomm, mas trata-se apenas de um protótipo.

Ou seja, é provável que a “fabricante no top 5” seja a Vivo, cuja presença fora da China é bastante reduzida. Mas quem sabe isso abra as portas para outras empresas adotarem o leitor embutido na tela. A Synaptics diz que o Clear ID é “duas vezes mais rápido que o reconhecimento facial 3D” — isto é, que o Face ID da Apple.

Com informações: Synaptics, SlashGear, Mashable.

Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.