Início » Computador » Seagate promete tecnologia capaz de dobrar desempenho dos HDs

Seagate promete tecnologia capaz de dobrar desempenho dos HDs

Emerson Alecrim Por

Os fabricantes passaram os últimos anos travando batalhas para lançar o HD com mais capacidade de armazenamento do mercado, mas pouca coisa foi feita em prol da performance. A Seagate quer mudar esse cenário: a companhia trabalha em uma tecnologia que permitirá que os novos HDs da marca tenham até o dobro de desempenho na comparação com os atuais.

Seagate

A Seagate chama a tecnologia de Multi Actuator, nome que descreve com exatidão a ideia. Para entendê-la, é importante lembrar que os HDs são formados por discos (ou pratos) cujos dados são lidos e gravados a partir de cabeçotes que ficam na ponta de um componente chamado braço. O braço é movimentado por um atuador que contém uma espécie de bobina induzida por imãs.

Determinadas linhas de HDs da própria Seagate têm, por exemplo, oito pratos e 16 cabeçotes. O problema é que todos são controlados pelo mesmo braço, ou seja, se movem ao mesmo tempo. A ideia da companhia é criar dois conjuntos de braços e atuadores, cada um atuando de maneira independente.

Perceba como a ideia é interessante: cada braço tem oito cabeçotes e, por serem independentes, permitem que o HD lide com dois comandos ao mesmo tempo. Um braço pode, por exemplo, conduzir operações de escrita ao mesmo tempo em que o outro faz leituras. Ou, então, ambos podem trabalhar em operações de gravação para acelerar o armazenamento de dados numa espécie de RAID 0, só que em uma única unidade.

Multi Actuator

Não é uma ideia nova. A Seagate já teve HDs com mais de um atuador, mas eles não eram economicamente viáveis. Agora será diferente? Aparentemente, sim. Ainda não há detalhes porque a tecnologia está em desenvolvimento, mas a companhia liberou uma imagem que indica que os dois atuadores serão mantidos na mesma base de suporte em vez de contarem com estruturas individuais. Essa abordagem indica uma preocupação com o uso reduzido de componentes.

Informações precisas sobre ganho de desempenho, consumo de energia (provavelmente vai aumentar) e data de lançamento das primeiras unidades com a tecnologia não foram reveladas. A Seagate fala apenas em disponibilidade em um "futuro próximo" e explica que a primeira geração será baseada em dois atuadores, sugerindo que, mais para frente, poderá haver HDs com mais.

A única certeza, por ora, é que a nova tecnologia trará mais desempenho, mas não ao ponto de bater a velocidade dos SSDs. Apesar disso, a Seagate acredita que, junto com tecnologias como o HAMR, os novos HDs serão bem aceitos em datacenters, por exemplo.

Com informações: Tom's Hardware

Mais sobre: ,