Início » Negócios » Mark Zuckerberg escolhe desafio pessoal para 2018: consertar o Facebook

Mark Zuckerberg escolhe desafio pessoal para 2018: consertar o Facebook

Paulo Higa Por

Você estabeleceu alguma meta pessoal para 2018? Mark Zuckerberg faz isso todos os anos, desde 2009. Normalmente é algo pessoal, como aprender mandarim ou desenvolver um sistema de inteligência artificial para sua própria casa (as duas foram cumpridas). Neste ano, o desafio é um pouco diferente: consertar os problemas do Facebook. Não que essa já não seja sua tarefa como CEO.

Em um post no próprio Facebook, Zuckerberg diz: “O mundo está ansioso e dividido, e o Facebook tem muito trabalho a fazer, seja protegendo nossa comunidade de abusos e ódio, se defendendo contra a interferência de governos, ou se assegurando de que o tempo gasto no Facebook seja bem gasto”. O desafio para 2018, portanto, é “corrigir esses problemas importantes”.

Foto por Anthony Quintano/Flickr

Ele anda bem filosófico (lembra daquele textão?), comentando sobre a centralização causada pela tecnologia. Há alguns contraexemplos que ficaram em voga nos últimos tempos, como as criptomoedas, que tiram as autoridades (os bancos centrais) do controle e o coloca na mão das pessoas. Mas Zuckerberg admite que essa não é a regra:

“Nos anos 90 e 2000, a maioria das pessoas acreditava que a tecnologia seria uma força descentralizadora. Mas hoje, muitas pessoas perderam a fé nessa promessa. Com o surgimento de um pequeno número de gigantes de tecnologia — e governos utilizando a tecnologia para monitorar seus cidadãos — muitas pessoas agora acreditam que a tecnologia apenas centraliza o poder em vez de descentralizá-lo”.

O Facebook é obviamente uma dessas gigantes de tecnologia: a empresa já tem valor de mercado de US$ 536 bilhões, mais que outras empresas tradicionais, como Intel (US$ 207 bilhões) ou IBM (US$ 150 bilhões). De qualquer forma, Zuckerberg promete “estudar os aspectos positivos e negativos dessas tecnologias [criptografia e criptomoedas], e como usá-las da melhor forma em nossos serviços”.

Fato é que 2017 foi bem complicado para o Facebook com relação a abusos, ódio e interferência de governos. A rede social estimou que 10 milhões de americanos visualizaram anúncios russos para manipular as eleições, contratou uma equipe só para filtrar vídeos violentos e precisou desenvolver vários recursos para combater notícias falsas.

Com informações: The Verge, Recode

Mais sobre: ,

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Daniel Lopes
Nem um app pra Android eles conseguem fazer direito
André G
Acabei de voltar de um block de 30 dias por falar a palavra "viado", sendo que eu sou gay e não usei essa palavra como forma de ofensa.
Tem comentários extremamente homofóbicos que já denunciei e não foram removidos, só pq não tinham as palavras chave.
wizzystorm
Tem que arrumar mesmo..Hoje meu perfil foi bloqueado sem motivo algum...Não xinguei ninguém, não publiquei nada que ofenda as pessoas ou que seja ilegal. Pediram uma foto minha, mandei mas até agora nada.
Maria Santa
Sim, podemos dizer que existem criminosos que "se preocupam com a sociedade", no sentido que o mesmo se preocupa em evitar que o arredor do mesmo conflite com suas atividades. É assim que seguiu a lógica do tráfico em algumas comunidades do Rio de Janeiro, por exemplo (pesquise a história do Nem). Ou só ver o exemplo dos políticos brasileiros.

Criminosos inteligentes apenas querem lucrar e ter conforto sem que ninguém bata na porta dele pedindo a sua prisão. São gente que furta e não deixa rastros. Ou que se for para praticar um crime, que suas consequências ao arredor sejam mínimas. Isso cabe também a psicopatas podemos dizer. Um psicopata pode ser que não quer se expor pois sabe que sua exposição o coloca como atenção para algo.
Cristiano Chagas
Como melhorar o Facebook: Começa retirando as Histórias, depois retira a rede do público brasileiro. Fim. #huebr
doorspaulo
A questão é que o tio Mark não segue o que prega. Quem acompanha o meio tecnológico não compra esse texto, simples assim.
doorspaulo
Os caras não conseguem nem fazer um player de vídeo decente, e o Zuckão quer "consertar o FB"...
LekyChan
ai realmente não há oque fazer.
Rodrigo
Por causa disso nem comento nada. Mas sou obrigado a ver os comentários dos outros.
Bruno
Pior coisa do facebook! Vc faz um comentário em algum post, e aparece na timeline de todos os seus amigos, como se fosse um post ainda! aff
Rodrigo
Me refiro a comentários feitos em posts públicos.
Ricardo - Vaz Lobo
Criou um monstrão, tem consciência disso e quer fazer com que o GolenBook, agora um ser vivo, volte a ficar sob controle.

Vai suar, ora se vai.
Pedro do Caminhão
Que bonzinho ele é! Nossa! ?
LekyChan
Quando vc posta algo no face vc pode escolher quem pode ver, o padrão é Publico.
Nas configurações do facebook, da para restringir o publicos de todas as suas antigas Publicações para Apenas Amigos com um unico clique. Tambem é possivel dizer qual publico poderá ver uma publicação na qual vc foi marcado, o padrão dessa opção é Amigos.
Heitor89
Na minha percepção um crime (ou algo equivalente) é tudo aquilo que prejudica de certa forma alguém. Se o criador da rede social deseja combater os discursos de ódio (e eu acho correto) por ofender a terceiros, por extensão e sendo coerente ele também deve perseguir quem pratica os atos da minha resposta acima pois, queira vc ou não, prejudicam de forma direta ou indireta a terceiros também. Ele tem que usar o mesmo critério, pois se não tudo me leva a crer que ele age de forma política para promover sua imagem a um determinado público. Me desculpa, mas o seu último parágrafo dá a entender que existem criminosos que se preocupam com a sociedade. Me explica por favor rs?
Molinex
Eu nem sei o que é isso...
Maria Santa
Xô tentar fazer uma reflexão rápida aqui.

Atividades criminosas muitos praticam. Isso é quase inevitável. Pedir para combater com enfase é algo difícil, e na verdade requer que cada pessoa contra as atividades criminosas seja no final um fiscal e punidor.

A pergunta é: o que é realmente criminoso? Basicamente o que faz mal a outro sempre será. Matar, roubar, ferir, abusar, humilhar, fazer sofrer. Ponto.

Mas vamos além: será que certas coisas não criminalizamos pois simplesmente achamos feio, errado e apenas por causa de nossa própria convicção? Pensemos.

Neste meio tempo, criminosos que não tão nem aí para a sociedade fazem de tudo para justamente não ficarem muito expostos. Só se expõe quem acha a vida de criminoso algo bacanudo (desce o óculos :v ).
Maria Santa
Talvez o Facebook não se importa com isso pois pode ajudar a inflar números.
Anderson Silva
Mostra tbm. que nossos amigos monitores sempre são os maiores injustiçados - sempre são os primeiros e os principais q levam a culpa pela travadeira que o resto dos componentes gera - tudo q ele faz é mostrar o q tá acontecendo.
Tadinho :/
Anderson Silva
Por aí....
Heitor89
esse cara é um hipócrita...ele quer enfrentar os discursos de ódio na rede social, mas existem milhares de páginas que fazem apologia a pedofilia, tráfico de drogas e outras atividades criminosas. Essas o facebook nunca combateu, é conivente...pq será? Essa rede social é um lixo (aliás, todas elas), não tem nada que preste, que agregue de alguma forma ao ser humano.
Trovalds
O facebook tem é que melhorar o sistema de denúncias. Se uma página é derrubada mesmo não tendo ferido as políticas da empresa dificilmente é recuperada. Os MAVs fazem a festa com isso.
Rodrigo
tem nao, olhei cada pedaço desse fezesbook e nao achei. Mas ja que vc diz, vou dar uma pesquisada no google mesmo.
Estan Duarte
Sai kkkkk
PinPortal ✔️
Cara, primeiro: NÃO É O MARK QUEM ESCREVE ESSES POSTS.Ok? É a equipe dele.E ele não é o bonzinho que quer unir todas as pessoas independente de cor, religião, gênero, etc. Ele só quer ganhar mais dinheiro (como 99,9% dos investidores - não tem nada de errado nisso).Só que esse jeito dele é para passar a imagem de que se comove com os mais pobres, se preocupa com as regiões carentes, etc. A verdade é que ele precisa de usuários do mundo todo. O Facebook tem 2 bilhões de usuários e ainda há 5 bilhões fora da rede. Levando em conta que 2/3 da população mundial está fora da internet (~4,5 bilhões). Então ele precisa que essas pessoas offline se conectem à rede para utilizar a ferramenta dele (daí o projeto Facebook Basics, Google Loon e por ai vai).Ele não está preocupado com o ódio na rede, fake news ou qualquer coisa. Ele só quer que você veja os posts patrocinados no newsfeed. Ele está agindo assim (bem como o Facebook também), pois estão sendo pressionados. E a equipe de relações públicas do Facebook entende que para o bem da empresa é melhor seguir a conduta X, Y,...Há alguns anos foram feitas reportagens que ele (Mark) comprou um terreno no Havaí, bem próximo ao mar. Só que esse grande terreno era de DIVERSAS pessoas (muitas que faleceram). A ideia dele (e de seus advogados): Entrar na justiça contra todos os herdeiros (sejam filhos, netos, bisnetos, etc) dos antigos donos do terreno para obrigá-los a assinar um documento em que se comprometiam a não requerer a posse deste terreno no futuro. É óbvio: ele estava prestes a construir uma mansão no lugar.A história vem a público. Vários sites replicaram a notícia. "Ele" confirmou a história por meio de um post na página dele no Facebook. Só que a versão dele era totalmente diferente. Disse que foi um mal entendido. Confirmou que comprou um terreno que era de vários proprietários (muitos já falecidos) e que entrou na justiça, pois queria que todos os herdeiros tivessem seus direitos garantidos, portanto ele queria pagar o que fosse devido para todos. (Que bonitinho, né? Fiquei até com vontade de apertar a bochechinha dele).Cuidado em quem você acredita. E uma dica do dia: Não confie em quem você não conhece. Se as pessoas que você já conhece, lhe decepcionam, vai confiar em alguém que você nunca viu pessoalmente?Desculpa acabar com a magia do natal. Eu estou me sentindo mal agora, parece que disse para uma criança que papel noel não existe. Mas calma, vai passar.https://super.abril.com.br/... https://olhardigital.com.br...https://olhardigital.com.br...
Carlos Taylor
Tem essa "opção", pesquisa aí que tu acha como desativar. (opção está entre aspas pois ta mais para gambiarra. E olha aí outra coisa que tem que melhorar)
Maria Santa
Isso explica porque ela foi atropelada por um carro autônomo. Vingança :V (sim, é uma piada tosca).
Maria Santa
Cara, depende. O sistema pode ser moldado para incentivar comportamentos, mas o próprio ser que acessa redes sociais também tem que equilibrar a balança. SE bem que seres humanos buscam o que lhe é comum e confortável. Mesmo um serial killer.
Maria Santa
Cara, tu está certo. Mas o Orkut já tentou isso. E ele desistiu.
LuizF
Vc está
Estan Duarte
...o Luiz esta!
Wellington Gabriel de Borba
Tira o Stories para quem não tá nem aí pra isso. Melhora muito.
Dayman Novaes
Puta que pariu, incrível ver a descrença e pessimismo das pessoas. Acabei de reler os comentários da notícia sobre o textão do Mark, e 100% era falando mal de um texto que só falava sobre o bem. A mesma coisa está acontecendo nos comentários dessa notícia.

Tudo bem que até certo ponto é saudável desconfiar de qualquer pessoa que prega o bem, mas na real isso não importa, o que importa é as ações que você faz na sua vida que contribuem para o que está escrito no textão do Mark. E, na minha opinião, comentar "desconfio desse cara" ou "acaba com tudo isso" é só um indício de que você está preocupado mais em apontar os problemas do mundo e deixá-los como está, do que tentar corrigí-los.

Desafios como esses que o Facebook e o Mark enfrentam e tentam resolver são muito difíceis e levam anos de esforço e uma visão a longo prazo. O Facebook realmente centraliza muita coisa na Internet e isso traz uma série de problemas, mas traz uma série de outras soluções, nada no mundo é unilateral.

O simples fato do Facebook estar nessa posição, não deve ser motivo de desconfiança quando ele traz esse tipo de discussão, e sim deve ser motivo para nos engajarmos ainda mais em fazer parte da resolução do problema e propor mais discussão. Sendo marketing ou não, pelo menos eu vejo o Mark sempre propondo essas discussões sobre os problemas que o próprio Facebook traz, coisa que não percebo tanto em outras grandes empresas.

Eu estou na tentativa aí também de fazer um mundo melhor, embora meu impacto atualmente seja bem menor que o do Mark, espero poder fazer cada vez mais pessoas se atentarem à isso.
Marco Antonio
Tira os usuários!
Rodrigo
Podia dar opção de esconder atualização quando a gente comenta algo público. Inúmeras vezes deixo de interagir em posts pq nao quero que o eu disse seja escancarado na cara de todo mundo. A conversa é entre A e B, não precisa mostrar pra todos os meus contatos. Troço chato isso.
LuizF
Onde tem treta...
Estan Duarte
?...
raphaela1
Enfia Material Design em tudo como fez o Google
Lucas Santos
Na verdade boa parte é... O sistema favorece.
João Cagnoni
Tira as pessoas do Facebook, o sistema não é o culpado.
João Cagnoni
Chama inbox...
Lucas Santos
Tira as bugigangas e coloca uma interface mais amigável o as configurações mais lógicas.
antônio
http://images.virgula.com.br/2015/03/AM008.gif
Julian Leno
Começa tirando os Stories que já melhora.
Diogo
Calma cara, que revolta é essa?
Senta aqui, vamos conversar...
Anderson Silva
Quer consertar o Facebook? Só precisa fazer uma coisa:
DESLIGA TUDO! DESTRÓI TUDO! SOME COM FACEBOOK, STORIES E O ESCAMBAU!

Pronto! Acabou-se todos os problemas!