O YouTube é obrigado pela lei americana a remover, o mais rápido possível, conteúdo que viola direitos autorais. Por isso, o Google criou um sistema chamado Content ID para analisar vídeos automaticamente. Infelizmente, nem sempre ele funciona como deveria.

O professor de música australiano Sebastian Tomczak é alvo de cinco reivindicações de direitos autorais por um vídeo que tem apenas… barulho.

YouTube

Ele diz ao TorrentFreak que gerou dez horas de ruído branco usando o Audacity, um programa gratuito. O ruído branco reúne todas as frequências diferentes em um só áudio, ajudando o ouvinte a adormecer ou a evitar sons irritantes no ambiente. O arquivo resultante de 10 horas foi renderizado como vídeo e enviado ao YouTube em 2015.

Então, nesta sexta-feira (5), Tomczak recebeu um aviso do YouTube: outro usuário alegava deter os direitos sobre sua composição. Então ele descobriu que o vídeo recebeu cinco reivindicações desde julho de 2015.

Uma das empresas, a Catapult Distribution, diz que o vídeo de Tomczak copia alguns minutos de “White Noise (Majestic Ocean Waves)”. Inclusive, o YouTube até coloca um link na descrição para você comprar essa faixa no iTunes.

Em todos os casos, os detentores de direitos autorais optaram por monetizar a “infração” através do Content ID. Ou seja, eles recebem parte da receita em anúncios que iria para Tomczak. Não que isso lhe faça falta — o vídeo mal tem 3 mil visualizações — mas não é o certo. Assim, o músico enviou uma disputa ao YouTube para questionar isso.

Bizarrices do Content ID são recorrentes. Por exemplo, em 2016, um vídeo antigo do YouTube foi utilizado em um episódio da série Uma Família da Pesada. Pouco tempo depois, ele saiu do ar: “este vídeo apresenta conteúdo de FOX, que o bloqueou com base nos direitos autorais”, dizia um aviso.

O vídeo original não violava nenhum direito autoral, até porque havia sido publicado anos antes, em 2009. Após a repercussão do caso, ele foi desbloqueado pelo YouTube.

Com informações: TorrentFreak.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

CtbaBr©
Cara, essa do "vizinho superior martelando o chão a cada 2 minutos" é a pior de todas, deveria ser proibido o "porte de martelos" em edifícios residenciais! Eu tenho um vizinho que faz "terapia do martelo"... Que haja ruido branco então!
Fabio Alvez
Prefiro gravar o ruído do ventilador (que fazendo frio ou calor eu usava qdo era pequeno), ar-condicionado, do que com esse ruído chato de tv sem antena.
Leonardo Spricigo
esse mesmo uahuahuhuahuahu
grande_dino_2
Tom marrom? Seria o brown note, que supostamente faz o seu intestino funcionar e forçar uma evacuada pelo fiofó?
Leonardo Spricigo
Não confundir com o tom marrom
Fábio Moser
Interessante, realmente desconhecia totalmente sobre o assunto!
Marcos Soares Santos
havia um video no youtube, e esse video foi usado num eposódio de Family Guy tempos depois, e esse vídeo original tomou copyright claim e foi derrubado.
grande_dino_2
Ruído branco ajuda não só a dormir, mas ajuda a realizar qualquer atividade que requeira concentração e que possam ser perturbado por som. Estudar é um exemplo clássico. O ruído branco ajuda a abafar praticamente todos os sons então você deixa de conseguir distinguir barulho de carro, buzina, passos, conversas. Isso ajuda bastante a concentrar. Além do ruído branco você tem ruídos de outras cores como rosa, marrom e outros. Cada um tem uma faixa de frequência mais intensa (a branca é a cor com todas as frequências em intensidade iguais), então cada um vai soar um pouco diferente (a rosa e o marrom soam mais grave, outros soam mais agudo, etc). Particularmente prefiro o marrom porque é bem grave, mas tem gente que gosta do branco mesmo (que apesar de ter todos os níveis de frequência na mesma intensidade, ele soa mais agudo). Se quiser brincar com ruídos, tem esse site aqui: https://mynoise.net/NoiseMachines/whiteNoiseGenerator.php
MRJ The 1 and only

Jamais!

Islan Oliveira
Esse é cachorro velho, não larga o osso de jeito nenhum.
MRJ está em hardware.com.br
Jamais!
Ed. Blake
Achei que o senhor havia se aposentado da grande rede mundial de computadores.
Fábio Moser
KKKKKKKK
Fábio Moser
Nossa, obrigado pela explicação. :-)
brazlocateli
se ele tivesse colocado imagens de pessoas cometendo suicido isso não teria acontecido!
Exibir mais comentários