Início » Negócios » Plataforma acusada de esquema de pirâmide com bitcoin fecha as portas

Plataforma acusada de esquema de pirâmide com bitcoin fecha as portas

Por
2 anos atrás

Com a forte alta do bitcoin no ano passado, surgiram alguns esquemas de pirâmide envolvendo criptomoedas, prometendo rentabilidade enorme em pouco tempo. Suspeita-se que a plataforma Bitconnect cometia esse tipo de fraude; esta semana, ela fechou as portas.

O Bitconnect permitia aos usuários emprestar suas criptomoedas em troca de uma rentabilidade enorme — até 1% ao dia. A empresa dizia ter um bot de negociação e um “software de negociação de volatilidade”.

Para fazer um empréstimo, os usuários tinham que depositar bitcoins e trocá-los por BCC, a criptomoeda nativa da plataforma. (Não confundir com o Bitcoin Cash, ou BCH.) Os juros também eram pagos em BCC. Depois, era necessário converter o valor de volta para bitcoins, e então para uma moeda tradicional como o dólar.

O Bitconnect também usava marketing multinível. Se você indicasse um usuário para a plataforma, recebia uma comissão de 7%. Por sua vez, os usuários que ele indicava rendiam uma comissão de 3% para você. Isso se estendia por dez níveis, que foram reduzidos para “apenas” sete após acusações de fraude.

Como você pode ver, esse programa de afiliados era oficialmente ilustrado como uma pirâmide:

O Bitconnect foi acusado de pirâmide por diversos membros da comunidade de criptomoedas, incluindo Vitalik Buterin, fundador do Ethereum. A suspeita é que a plataforma pagava os juros de usuários antigos com o dinheiro depositado por usuários novos.

Isso não impediu que o valor do BCC disparasse de US$ 1 para uma máxima histórica de US$ 430 em menos de um ano. Agora, com o fechamento do Bitconnect, ele é negociado por menos de US$ 15.

O Bitconnect diz que fechou as portas após “cobertura negativa contínua da imprensa”; duas cartas de cessar e desistir das comissões de valores mobiliários do Texas e Carolina do Norte; e diversos ataques DDoS.

A plataforma diz que vai reembolsar todos os empréstimos pendentes a uma taxa de US$ 363,62, média do BCC nos últimos quinze dias. Os investidores não parecem muito confiantes, no entanto — o token despencou mais de 90% com a notícia.

Ainda assim, a empresa diz que “continuará oferecendo serviços de criptomoedas no futuro”. Isso inclui a plataforma BitConnect X, para que empresas arrecadem dinheiro através de tokens (ICO); no entanto, ela foi mencionada explicitamente na carta de cessar e desistir do Texas.

Com informações: TechCrunch, The Next Web.