Nesta semana, o Google começou a testar um aplicativo chamado Bulletin que, se aprovado, vai permitir que você compartilhe notícias do seu bairro ou cidade mais facilmente. É uma tentativa de destacar acontecimentos “hiperlocais” no meio de tantas notícias de cobertura mais ampla.

Google Bulletin

A proposta tem potencial. Se você mora em uma cidade pequena, certamente conhece sites ou páginas no Facebook que tratam apenas dos acontecimentos locais, o mesmo valendo para bairros de grandes centros urbanos. Essas páginas exercem o papel de filtrar acontecimentos que só interessam a quem vive na região.

O Bulletin tenta ir um pouco além dessa proposta: a ideia é permitir que o usuário use o aplicativo para que ele mesmo reporte um acontecimento local postando textos, fotos ou vídeos. A publicação poderá ser incrementada, permitindo que o usuário descreva um acontecimento praticamente em tempo real.

Aparentemente, todo o conteúdo ficará armazenamento na plataforma do Google Notícias — a companhia tem se empenhado para fazer o serviço ser mais regionalizado. É pouco provável que o usuário tenha a opção de fazer a publicação em outro lugar. De qualquer forma, as notícias poderão ser compartilhadas facilmente via redes sociais e mensagens instantâneas.

Google Bulletin

Mas há problemas a serem resolvidos. Por exemplo: e se o Bulletin for usado para disseminar notícias falsas (para prejudicar um candidato a prefeito, por exemplo)? E se um espertinho usar a ferramenta para promover a pizzaria que ele acabou de abrir?

Para descobrir como o aplicativo vai ser usado e quais as suas limitações, o Google está permitindo, por ora, que apenas duas cidades nos Estados Unidos testem o Bulletin: Nashville e Oakland. A companhia convidou produtores de conteúdo dos dois locais para experimentarem a novidade.

Não há previsão de liberação para outros locais ou de lançamento global.

Com informações: 9to5Google.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Carlos Sponchiado
Disse tudo meu caro Eric Viana.
Wellington Gabriel de Borba
Ata...
O Corno Profeta
Sejamos bem francos, o jornalismo local brasileiro é fraco, egoísta e muitas vezes oriundo de "grupos de poder" (seja um jornalista que vende notícias para não serem expostas, um político local que financia o jornal ou um grupo de empresários locais). Jornais questionadores muitas vezes são estúpidos ao noticiar algo. O problema que notei quando começou os "grupos de notícias locais" no Facebook é que os mesmos viraram antro de desabafos e humilhações da cidade. O mundo cão que todos reclamavam no jornal local ou até no jornal regional exibido em grande rede (tipo SPTV da Globo) acabava de um jeito pior nestes grupos. Isso quando não notíciam matérias com uma foto fazendo ela de meme (tipo uma enchente onde colocam um título em Comic Sans tipo "QUE VERGONHA SR. PREFEITO"). A se pensar que isso tem audiência também, então de fato não é só culpa de quem produz, mas de sua demanda... e tem gente que ganha com isso. Conheci gente que "batia" em prefeito, e depois ganhava "calaboca".
O Corno Profeta
As notícias são espelhos do que a cidade tem por dentro dela...
O Corno Profeta
Jornalismo nada mais é que um bando de vizinhas fofoqueiras, que sabem que fofoca tem valor e podem usar isso para ganhar dinheiro, seja vendendo anúncio, ou vendendo até a própria notícia para não ser veículada.
O Corno Profeta
Se souber escolher, dá para achar canais relevantes. O problema é que realmente e infelizmente, é mais fácil achar canais ruins do que bons. :
Molinex
Gostei da ideia. Boletim diário: Big Ricardo foi capturado em fotos, veja... Seja bem vindo a Fake News kkk Se cuida sonia abraão
ecarvm
Notícias boas? Esse dificilmente será pra você.
ecarvm
kkkkkk
🧙‍♂️ Mago Erudito® ᴾᴿᴱᴹᴵᵁᴹ

Essa mosca é muito real, me irrita.

Mago Erudito®
Essa mosca é muito real, me irrita.
🧙‍♂️ Mago Erudito® ᴾᴿᴱᴹᴵᵁᴹ

Antes de chegar aqui ele precisa de melhorias se não será mais uma excelente ideia que irá para o lixo.

Mago Erudito®
Antes de chegar aqui ele precisa de melhorias se não será mais uma excelente ideia que irá para o lixo.
Wellington Gabriel de Borba
Não boto fé nisso. Nem o G1 (padrão Globo de qualidade jornalística) do meu estado eu suporto. É sempre notícia mundo cão, "moradores da Vila fulana fica sem energia durante tantas horas após temporal", "usuários reclamam do aumento do transporte na cidade", "assaltantes assassinam comerciantes no Jardim caixa prego, terceira etapa, quinta expansão", "Mãe acorrenta filho usuário de drogas".
Anderson
Profissionalizando as vizinhas fofoqueiras, novo segmento de digital influencer para meia idade.
Exibir mais comentários