Início » Brasil » Implementação da CNH digital em todo o Brasil é adiada para julho

Implementação da CNH digital em todo o Brasil é adiada para julho

Emerson Alecrim Por

A emissão da Carteira Nacional de Habilitação Eletrônica (CNH-e) deveria estar disponível em todo o Brasil a partir de fevereiro. Mas, faltando pouco tempo para o fim do prazo, nem metade dos estados havia aderido ao novo sistema. Por conta disso, o Denatran e o Ministério das Cidades decidiram estabelecer um novo limite para a adesão: 1º de julho.

O Distrito Federal e estados como Acre, Alagoas, Espírito Santo, Goiás (onde o projeto piloto foi realizado), Mato Grosso do Sul e Rio Grande do Sul estão aptos para emitir a CNH-e. Já São Paulo e Rio de Janeiro, os estados que mais registram condutores, estão entre aqueles que ainda não se adequaram ao sistema.

CNH-e

Além do atraso da maioria dos estados, o pedido de alguns órgãos para um prazo maior de adequação pesou na decisão de adiar a obrigatoriedade. É o caso da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), que ainda não definiu um procedimento para reconhecer a CNH-e no embarque de passageiros em voos domésticos. A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) passa por dificuldade semelhante no reconhecimento da versão digital em viagens de ônibus.

Mas o objetivo principal da CNH digital é permitir que o cidadão possa comprovar pelo smartphone a sua habilitação para dirigir. Não é necessário ter acesso à internet, mas, obviamente, o aparelho deverá ter carga na bateria; se o dispositivo estiver descarregado, o motorista terá que apresentar o documento em papel.

O aplicativo da CNH-e também permitirá que o condutor consulte pontos ou seja notificado sobre a proximidade do vencimento do documento — a validade é a mesma da CNH tradicional.

Para emitir a CNH-e nos estados já habilitados, é necessário verificar se o documento em papel tem QR Code (se a sua CNH foi emitida depois de 2 de maio de 2017, tem). Se não tiver, é necessário solicitar uma segunda via (que é paga). Em seguida, você deve fazer cadastro no site do Denatran.

CNH eletrônica

Depois, você tem que comparecer ao Detran da sua região para validar o cadastro. Somente quem tiver um certificado digital poderá realizar esse procedimento pela internet. Por fim, basta instalar o app (disponível para Android e iOS) e ativá-lo por meio de um código enviado pelo Denatran via email.

Note que será necessário criar uma senha de quatro dígitos para acessar a CNH-e no smartphone. Além disso, pode haver ou não custo de emissão da versão digital. Mas a decisão de cobrança fica a cargo do Detran de cada estado, explica o Denatran.

Ainda de acordo com o órgão, o novo prazo para adesão dos estados à CNH-e é improrrogável, ou seja, de 1º de julho não passa. Fiquemos de olho.

Com informações: Agência Brasil.

Mais sobre: , , ,

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Felipe Silva
Via de regra o que os criminosos não querem é deixar o celular ativo, já que isso possibilita serem rastreados, primeira coisa a se fazer um com celular roubado é apagar todos os rastros do dono original.
Alvaro
Em que pais vc pensa que vc mora???? "Além disso, pode haver ou não custo de emissão da versão digital." hahahahahaha Aqui na Banania com certeza será pago mesmo a versão digital!
kadug
Esses centros de atendimento integrados estão com nomes cada vez mais criativos LOL
Veritas
Não mente que é feio!
Carlos Almeida
Sabe de nada inocente.... mas uma vez falando coisas sem sentido.... Ta longe de acertar.... estuda um pouco sobre Transações Serpro x Detran. Sabe o que é uma Transação entre Detrans e BCA? Sabe o que é Layout de uma Transação, Parte fixa, parte variável.... Vai estudar colega, depois volta aqui...rs
Seu Madruga Comentarista
Obrigado!
Hugo Vinícius
Será que agora eu poderei sair na rua e deixar a CNH de papel em casa? Como meu celular agora tem CNH eletrônica e título de eleitor, além do básico internet banking, contracheque e tudo o mais, não tenho coragem de deixar o celular descriptografado. O prejuízo e a dor de cabeça serão imensas no caso de eu perder o celular e conseguirem acessar os dados.
Hugo Vinícius
A adoção da placa de carro unificada para o Mercosul é outro exemplo. Era pra começar em 2017, mas agora parece que está meio sem prazo. Disseram que é por causa da dificuldade de adequação a todos os sistemas. Parece razoável.
Hugo Vinícius
Não cobraram de mim. Renovei a CNH agora em janeiro de 2018. A CNH do meu irmão já tinha vencido em 2017, mas ele não pediu nada da CNH eletrônica. Como a CNH nova dele já tinha o QR Code, falei pra ele ir no Vapt Vupt pra ver esse lance da CNH eletrônica. A única coisa que fizeram foi cadastrar e validar o número do celular dele para o sistema do Denatran (assim como na minha renovação). Não cobraram nada dele também.
Hugo Vinícius
Bem, a minha CNH venceu em janeiro e eu pedi para habilitar a CNH eletrônica. Não me cobraram nada aqui em Goiás. E foi a mesma coisa para o meu irmão.
Jorge Luis
134,00 por ano https://serasa.certificadodigital.com.br/?utm_source=search-ads&utm_campaign=institucional&utm_medium=search&utm_content=certificado&gclid=CjwKCAiAksvTBRBFEiwADSBZfCRabJS1j_PE6G8Ai3w27u2xZ3XCn3zOpp_29e7NDlaMITZ1rOu7dBoC9TkQAvD_BwE
Felipe Goulart Athayde
O Brasil é comandado e planejado por amebas.
Seu Madruga Comentarista
Já ouvi que custa 200 reais. Procede?
Felipe Silva
Se te roubarem ou tu perder a carteira, um celular tu pode conseguir no mesmo dia, uma cnh nova vai levar uma semana, uma semana que tu teoricamente não poderia dirigir.
kadug
Também é útil para quando, eventualmente, o motorista esquecer de levar o documento do carro. É como um backup para essas situações.
kadug
Com certeza. Eu tenho certificado digital porque preciso no trabalho, mas jamais teria um para usar esporadicamente (não pelo preço que cobram).
anjosarda
Ah! Então esta é a vantagem. Estava me perguntando se as pessoas iriam aderir só para ficarem cools e descolados com uma versão digital desnecessária.
Berg
Aqui em Sergipe desde ontem que já tão emitindo a versão digital totalmente GRATUITA. Passou no jornal local e tudo, dai ontem mesmo solicitei a minha e já ta funcionando.
Veritas
Este projeto é recente, filhote. Quer dizer, recente náo... mas ainda não conseguiram resolver todos os problema de integração. Além disto, fizeram uma tosquice com a CNH Digital, forçando um projeto importante a ser finalizado em um prazo absurdamente pequeno. Não é à toa que o SERPRO se ferrou e teve problemas na implantação. Santo Deus, tá desinformado, hein!
Carlos Almeida
Nossa que falta de informação, de onde você tirou essa ideia, a BCA - Base de condutores ampliada (algo como Base nacional ) armazenada no Serpro fica diariamente realizando milhares de transações com as base de dados de cada Estado. Por exemplo quando o condutor finaliza um curso prático Cat. B, este curso é registrado tanto na base local quanto na BCA, pois ao finalizar o processo do candidato para emitir a CNH, a BCA irá realizar criticas e validações para verificar se todos os cursos e cargas horárias foram cumpridas pelo candidato. diariamente são realizados serviços de primeira Hab, renovação, adição de cat., 2 via, transferência de UF, etc, todos esses processos são registrados na BCA/Serpro. dá uma estudada antes...
Douglas Baião
Aqui em Minas foi disponibilizado exatamente hoje. :)
Renan
Prazo sem punição é sugestão
anderson
Todo mundo reclama do imposto Brasil mas esquece que nosso Real é fraco diante dos desafios econômicos, ainda mais agravado por sermos uma economia interna.
Nossa, baita trabalho pra tirar algo que devia ser baixar e pronto.
Jair Navarro F
- documentos, por favor - ow seu guarda, acabou a bateria
Dayman Novaes
No caminho pra não precisar mais de sair e levar carteira, chave e celular tudo junto, apenas com celular. O futuro vai ser daora.
Antonio Carvalho
Eu quero é logo isso. Paguei R$ 117,00 por uma 2ª via. Se já tivesse a e-CNH, estaria livre dessa taxa.
Baidu feat MC Brinquedo
E por incrível que pareça o Brasil é referência em certos assuntos, como por exemplo: arrecadação de impostos, pois por ser gigante precisa ter uma articulação enorme para fechar todas as pontas (ou quase todas). Mas o povo não consegue enxergar isso, prefere ficar lendo aqueles dados lindos de países europeus ou do EUA.
Ed
Para quem ainda tem a CNH sem o QR code (a maioria), não vale a pena.
Veritas
Foram que a base de dados do DENATRAM e dos DETRANS são esparramadas e praticamente mal se "conversam"
Jorge Luis
se pelo menos cobrassem um valor acessível, já dava para diminuir muito a burocracia do estado para a maior parte da população. Quem usa esporadicamente não vai comprar um certificado digital com esse preço atual.
Seu Madruga Comentarista
Engraçado, para alterações de pagamentos de impostos, o sistema de cobrança é rápido e eficaz, vide IPVA e licenciamento do veículo, que depois de pagos, já não aparecem mais na lista de pendências obrigatórias do cidadão. Bom? É! Eficiente? Também! Mas, estranho não terem o mesmo desempenho e agilidade quanto a questões ligadas a massa e quando, em teoria, não se envolve pagamento de valores. O Brasil é gigante, mas internet tá aí pra isso, agilidade e desburocratização e essas duas coisas (ainda) não combinam por aqui!!
Seu Madruga Comentarista
Estão cobrando pelo certificado digital, que é grátis!!
tuneman
É util, mas eu prefiro manter a papelada junto, pois ainda uso a 'motinha' mais pra viagem do que dentro da cidade.
Jailson Effting
Achei bem inútil, na real. Mais fácil guardar um papel na carteira(Cnh física), que depender do celular, que muitas das vezes tem uma bateria tosca e pode me deixar na mão.
Vitor Gyn
Goiás cobra. Só não cobrou no ano de 2017 pq estava em testes.
Marsupial radical
Eu sempre falo. Ninguém entende que o Brasil é um país gigante, e uma mudança, por mais simples que pareça, precisa de muito estudo e tempo pra tudo se adequar. Mas sim, os prazos são estipulados por chimpanzés, me parece.
Paulo Andador
Aí quando estivermos chegando em Julho, adiam novamente para Dezembro...fica vendo!
kadug
Cobrar para emitir CNH-e? Espero que nenhuma UF tenha adotado essa prática, pois isso seria bem ridículo.
Mickey Sigrist
As vezes parece uma questão simples mas pode não ser, o Brasil é um país bem grande. Muitos órgãos e muitos procedimentos precisam ser revistos e adequados com uma alteração deste tamanho. Talvez o prazo inicial é que tenha sido mal estimado.
Alisson Silva
Não seria Brasil se prazos fossem cumpridos.