O Chrome será ainda mais claro em avisar quando um site não possui criptografia. Ele já alerta sempre que você digita em um campo de texto de um site HTTP. A partir da versão 68, que deverá ser liberada em julho, todas as páginas sem HTTPS serão marcadas como não seguras, independente de qualquer ação do usuário.

Imagem por geralt/pixabay

Este é mais um esforço do Google em forçar os desenvolvedores a migrarem para o HTTPS. Ele é mais seguro que o HTTP por criptografar todas as informações com SSL ou TLS, evitando que pessoas mal intencionadas espiem seu tráfego. Além disso, vários recursos modernos da web exigem a utilização do HTTPS.

No passado, o HTTPS era considerado importante apenas para sites que lidavam com dados sensíveis (como o seu internet banking), mas o Google explica que “você sempre deve proteger todos os sites com HTTPS, mesmo que eles não lidem com comunicações sigilosas”, já que “os intrusos, tanto malignos quanto benignos, exploram todos os recursos não protegidos que existirem entre o seu site e os usuários”.

Mais de 68% do tráfego que passa pelo Chrome no Android e no Windows já é criptografado; nas versões para Chrome OS e macOS, isso passa de 78%, de acordo com o Google. 81 dos 100 maiores sites do mundo já utilizam HTTPS.

Com informações: Android Police, Engadget.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Jorge Bevilacqua

Você tem sorte! Imagine a galera que trabalha no sistema do PAT (Programa de Alimentação do Trabalhador).

Não só receberá uma leva de alertas do Chrome (não usa HTTPS e trafegam senhas), como também nos deparamos com esta bela e atualizada mensagem.

https://uploads.disquscdn.c...

Renato Dantas
Você tem sorte! Imagine a galera que trabalha no sistema do PAT (Programa de Alimentação do Trabalhador). Não só receberá uma leva de alertas do Chrome (não usa HTTPS e trafegam senhas), como também nos deparamos com esta bela e atualizada mensagem. https://uploads.disquscdn.com/images/a734e81ff17386b452317036c71551576da837a28b7364b615fadd6fc1b1f795.png
Renato Dantas
Site do PAT (Programa de Alimentação do Trabalhador). Não só vai levar um monte de alerts do Chrome, como os usuários se deparam com essa bela e atualizada informação. https://uploads.disquscdn.com/images/a734e81ff17386b452317036c71551576da837a28b7364b615fadd6fc1b1f795.png
Andre Kittler
Mas porque iriam mudar? Sites do governo funcionam com o que bem entender, e cabe ao TI (eu...) descobrir o que merda é que funciona neles, e trabalhar com maquinas virtuais, diferentes versões de navegador e portables dos TJ) Semana passada peguei um tal de diso.receita.fazenda.gov.br que, juro por deus, a completa funcionalidade dele ocorre apenas no FIREFOX 32.0 (sim! 32! em 2018!! - avacalhei e chutei o 38 mas falhou, apenas no 32!!). PS: obrigado contabeis com br pela dica, eu iria levar semanas até chutar esse navegador....
Meninão Bobo
Pra que proteger quando a ideia é espionar?
Jonas S. Marques
Alguns sites governamentais se quer rodam sobre http 1.1, a maioria inclusive é feita em linguagem herdada como .net Web ou JSP. Vai ser engraçado ver essa galera trabalhando.
Renan
Não tem mais desculpa agora que HTTPS pode ser instalado gratuitamente
Lairton Gomes
os sites do governo tbm são bem porcos
Leonardo Feelckins
muito que bem!
Matheus Viana
Sim, é incrivel a quantidade de sites que ainda não aderiram ao HTTPS. Um exemplo que posso dar são sistemas de acompanhamento de alunos das universidades e institutos federais, totalmente desprotegidos.
Giovani Sousa
Em um assunto semi relacionado, eu fico de cara como em alguns sites (famosos) que o assunto é tecnologia não tem https por padrão, e quando vc digita na barra ainda aparece a mensagem que partes da página não usa https, eu coloco https desde sempre até nas minhas páginas sobre novela, pra mulherada (ou qualquer um que goste desse tipo de conteúdo) possa ler as fofocas em paz sem bisbilhoteiros ...