Início » Negócios » Falha na Coinbase faz usuários receberem cobranças repetidas

Falha na Coinbase faz usuários receberem cobranças repetidas

Emerson Alecrim Por
2 anos atrás

Se uma compra duplicada no cartão já é capaz de tirar qualquer um do sério, imagine então se o valor for descontado dezenas de vezes. Vários clientes da Coinbase passaram por isso recentemente: depois de comprarem criptomoedas no serviço, eles se depararam com numerosas cobranças para a mesma transação.

Queixas começaram a surgir no Reddit há cerca de duas semanas, mas o problema só ganhou grandes proporções recentemente. Boa parte dos clientes teve cobranças duplicadas, mas, em muitos casos, o valor da compra foi cobrado em um número maior de vezes: um usuário relatou 17 cobranças; outro, 50.

Coinbase

Os relatos no Reddit são realmente numerosos. Muitos buscam apenas orientações sobre como proceder, mas outros clientes falam transtornados em contas bancárias zeradas por causa do problema. Os mais aborrecidos já cogitam organizar ações coletivas contra a Coinbase.

Tudo aponta para uma falha sistêmica, não má fé. Porém, causa estranheza ou revolta a demora na solução. Duas semanas é muita coisa e, para piorar, parece que o problema ficou mais sério nos últimos dias. É algo realmente grave para uma empresa que é considerada uma das maiores casas de câmbio de criptomoedas do mundo.

A Coinbase atribuiu o problema a uma mudança recente no MCC (Merchant Category Code) para compras de moeda digital. Bancos e operadoras de cartão de crédito teriam mudado esse código para classificar negócios com criptomoedas como uma espécie de empréstimo, o que significa que elas podem cobrar taxas adicionais em cada transação.

Esse tipo de mudança geralmente afeta apenas novas transações, mas os sistemas teriam sido programados para considerar o novo MCC nas compras de criptomoedas realizadas entre 22 de janeiro e 11 de fevereiro. As cobranças adicionais resultantes desse procedimento seriam reembolsadas, porém. Mas algo deu errado: como a gente já sabe, muitos usuários tiveram numerosas cobranças e não foram reembolsados até agora.

Mais tarde, via Twitter, a Coinbase responsabilizou a Visa pelas cobranças indevidas. Por sua vez, a Visa respondeu que "não realizou nenhuma alteração de sistema que resultaria em transações duplicadas" e, meio que devolvendo a culpa para Coinbase, argumentou que nenhum outro cliente relatou problema parecido.

Seja como for, Daniel Romero, vice-presidente da Coinbase, assegurou que todos os clientes afetados serão reembolsados assim que possível.

Com informações: TechCrunch, The Next Web, The Verge.

Mais sobre: , ,