O Telegram vai ser bloqueado a partir desta sexta-feira (13) na Rússia. A ordem foi dada por um tribunal de Moscou e tem como base a negativa do serviço de fornecer às autoridades do país chaves criptográficas que permitiriam o rastreamento de usuários investigados.

É um golpe duro para uma plataforma que, em março, alcançou 200 milhões de usuários ativos por mês no mundo todo. Mas uma decisão drástica como essa não surpreende, tanto que, também no mês passado, Pavel Durov, cofundador e CEO do Telegram, disse no Twitter que ameaças de bloqueio não dariam resultado. “O Telegram defenderá a liberdade e privacidade”.

Telegram - 200 milhões de usuários

Sucessor da KGB, o Serviço Federal de Segurança (FSB) pediu a entrega das chaves criptográficas de seis usuários acusados de envolvimento em ataques terroristas. Mas, para o Telegram, as chaves permitiriam às autoridades ter acesso a mensagens de qualquer usuário, o que resultaria em uma violação do princípio constitucional do segredo de correspondência.

Por sua vez, o FSB afirma que as informações solicitadas não contêm dados que constituem segredo de correspondência, pois as chaves só poderiam ser usadas para coletar dados mediante ordem judicial. As autoridades ainda têm a seu favor leis antiterrorismo que permitem a quebra de sigilo de serviços de mensagens.

Com base nessa legislação, o Telegram foi multado em um valor equivalente a US$ 14 mil em outubro de 2016 por não fornecer os dados solicitados pelas autoridades. Mesmo assim, o serviço continuou resistindo.

telegram ios

Atrito com autoridades não é coisa nova para Pavel Durov. Em 2014, cerca de um ano depois de ter criado o Telegram, ele deixou a Rússia após ter sido desligado do cargo de CEO da rede social local que criou em 2006, a VKontakte (ou VK). Na época, Durov disse que sofreu grande pressão por ter se recusado a entregar dados de grupos de oposição ao governo de Vladimir Putin.

A Roskomnadzor, agência estatal que regula as comunicações na Rússia, informou que o bloqueio será implementado imediatamente. O tribunal responsável não precisou nem de meia hora para tomar a decisão. Nenhum advogado do Telegram esteve presente porque, no entendimento do serviço, a audiência foi uma farsa.

O bloqueio possui validade imediata, mas o Telegram tem 30 dias para recorrer da decisão.

Com informações: Bloomberg.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

RodrigoCard

Agora é a hora dos Russos Instalarem o Whatsapp temporariamente e depois abandonarem.. haha

ochateador

O problema é que governo é governo...
Se fazem a lei para pegar os dados de 1 bandido, o que impedirá o governo de usar essa lei para pegar os dados de outros bandidos (e/ou cidadãos comuns) sem a devida autorização ?

Basta ver o caso do Palloci que quebrou o sigilo bancário do caseiro que dedurou ele....

Danilo Ramos

Já existe aliás

Jóckisan

Respondo a você o mesmo que respondi a outro: eu não sou bandido. Não tô dizendo que os dados de todos devem ser entregues, e sim apenas os dos bandidos, que é o que a justiça pede. Quem é bandido perde alguns dos seus direitos. Isso já acontece com grampo em telefone, não vejo dificuldade em fazer o mesmo com aplicativos.

ochateador

Vai passando os dados de suas contas bancárias e e-mail aí então.

ochateador

Estamos falando da rússia.
Onda a mesma pessoa governa o país a o que ? Uns 16 anos consecutivos ?
Acha mesmo que eles vão esperar sair uma medida judicial para investigar alguém ?

leoleonardo85

Nesse momento acontece o movimento inverso na Rússia, todo mundo indo pro whatsapp

UmaPessoalQualquer

Migo, afetas todos o próprio duvov disse.

UmaPessoalQualquer

Eles dizem que funcionar como a do Signal, mas todo mundo sabe que é papo furado.

UmaPessoalQualquer

Sim, a chave que eles querem é do servido e não do usuário. E como chega para Google e dize que você quer a senha de administração dos sites deles

UmaPessoalQualquer

Signal não é o Whtasapp, Signal é seguro e sua cromotipografia é end-to-end.
E não é a mesma que o Whatsapp usar, eles acessam os dados de usuário para fazerem anúncios em outros apps/sites, isso é tecnicamente impossível de fazer no Signal, já que uma chave fica com o usuário e a outra com seu contato. Não fale besteira....

𝕵𝖆𝖈𝕶 ⚡𝖎𝖑𝖘𝖆𝖓

É basicamente o embate entre liberdade e igualdade.

7csP9tkb

Excelente explicação. Só uma pergunta, a criptografia do Whatsapp funciona de forma semelhante ou o sistema deles é diferente?

lucas.lop

Podíamos discutir no Telegram né?

Marsupial radical

Não não, tu entendeu errado. Quis dizer se pedirem para o Telegram liberar esses dados, n

Exibir mais comentários