Início » Mobile Web » Instagram libera ferramenta para você baixar todas as suas fotos e vídeos

Instagram libera ferramenta para você baixar todas as suas fotos e vídeos

Por
17 semanas atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

O Instagram avisou que teria, em breve, uma ferramenta para baixar os dados do seu perfil. Isso demorou muito tempo para acontecer: a rede social existe há oito anos e, até então, não tinha um modo oficial para salvar suas fotos.

Agora, a ferramenta “Baixe seus dados” está disponível para todos na web, e será distribuída aos poucos para os usuários no iOS e Android, segundo o TechCrunch.

É simples: você visita o endereço instagram.com/download/request, clica em Avançar, digita sua senha e pronto. O Instagram cria um arquivo com os dados do seu perfil e envia o link de download para o seu e-mail. A rede social avisa que esse processo “pode levar até 48 horas”.

Esse arquivo terá sua bio, fotos, vídeos, stories arquivadas (postadas a partir de dezembro de 2017), as legendas de seus posts e de suas stories, comentários, curtidas e histórico de busca.

E não só: ele também inclui sua lista de contatos, os nomes de usuário de seus seguidores e das pessoas que você segue, mensagens do Direct, fotos e vídeos não-efêmeros enviados pelo Direct, e suas configurações.

As fotos do feed estão em formato JPEG, na resolução em que foram postadas. No meu caso, elas têm 612 x 612 pixels até meados de 2013; e 640 x 640 pixels até 2015, quando o Instagram liberou imagens em mais formatos. A partir de 2016, elas têm resolução variada, dependendo se eu postei via 3G/4G ou Wi-Fi, chegando a até 1080 pixels de largura.

Por sua vez, minhas fotos de stories arquivadas têm até 1080 pixels de largura, novamente dependendo se foram postadas via Wi-Fi ou rede celular. Quanto aos vídeos e imagens com GIF, eles estão em formato MP4, também na resolução em que foram postados.

Quanto aos comentários, curtidas, mensagens e outros, eles estão no formato JSON, ou Notação de Objetos JavaScript. Você pode abri-los no Bloco de Notas, mas será difícil de entender.

Por isso, recomendamos usar o JSON Viewer, que organiza os dados de uma forma mais legível. Clique em “Browse”, escolha o arquivo desejado, e veja tudo de forma organizada na coluna à direita.

O Instagram está lançando essa ferramenta porque precisa obedecer a GDPR, lei de privacidade de dados que entra em vigor na União Europeia em 25 de maio. Ela exige, entre outras coisas, a portabilidade de dados.

Desde 2010, o Facebook tem uma ferramenta para exportar seus dados de perfil. Ela ficará mais proeminente para os usuários como resposta ao escândalo Cambridge Analytica.

Atualizado às 11h54

Mais sobre: , ,