O Spotify precisa aumentar a sua base de usuários pagantes. Para isso, a companhia aposta em uma estratégia que, na primeira olhada, parece contraditória: investir na modalidade gratuita. Em evento realizado nesta terça-feira (24), a companhia revelou que usuários não pagantes terão apps com interface melhorada, playlists personalizadas e função de economia de dados.

Novo Spotify

Ao longo do tempo, o Spotify sofreu pressão de investidores para limitar ainda mais o plano gratuito. Mas a companhia acredita que, em vez disso, dar a esses usuários uma experiência um pouco mais próxima que a oferecida pela modalidade premium aumentará o número de assinantes e, consequentemente, gerará conversões para o plano pago.

Uma das mudanças a gente já tinha adiantado: interface renovada nos aplicativos móveis. Ela já está disponível para alguns usuários e, em breve, chegará a todas as contas. Além de mudanças visuais, a nova interface dá mais destaque à tela inicial para que o usuário sempre tenha algo novo para descobrir ali.

Mas a mudança mais interessante, provavelmente, está na oferta de conteúdo. Os usuários do plano gratuito poderão pular ou escutar quantas vezes quiser, em qualquer ordem, todas as faixas que estiverem nas 15 playlists personalizadas oferecidas pelo serviço para cada conta (Playlists Sob Demanda).

Entre elas poderão aparecer listas populares, como Pop Brasil, RAPública e Viva Latino, além de playlists como Radar de Novidades e Daily Mix. Juntas, elas devem oferecer cerca de 750 músicas diariamente.

O Spotify também promete entregar playlists e recomendações correspondentes aos gostos do usuário tendo como ponto de partida os artistas definidos por ele como preferidos. A criação e edição de playlists particulares também ficará mais fácil.

Novo Spotify free

Outra novidade interessante é o Data Saver. Ainda que o streaming de áudio não costume consumir grandes volumes de dados (pelo menos na comparação com o streaming de vídeo), o tráfego resultante pode acabar esgotando a franquia de planos móveis. Com o Data Saver, o consumo é otimizado para reduzir em até 75% o volume de dados trafegado.

Até certo ponto, a função é uma alternativa à impossibilidade de baixar músicas para reprodução offline, recurso disponível apenas para quem assina o plano premium.

Spotify Data Saver

Com relação aos anúncios publicitários, nada muda. Eles continuarão sendo reproduzidos para usuários não pagantes. O Spotify afirma ter atualmente 90 milhões de assinantes nessa modalidade. O plano da companhia é encerrar 2018 com 200 milhões de usuário no mundo todo, com 96 milhões destes fazendo parte do plano premium.

A nova modalidade gratuita será disponibilizada globalmente no decorrer das próximas semanas.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Gabriel Naldis

Hahahahaha conta outra...

Eduardo Papa

Testei o deezer durante tres meses, também gostei não. Tem o flow que é ate legalzinho mas é mais do mesmo...

Marcos Diogo

Queria saber qual é a versão dessa nova , é se ja tem data pra chegar?

Felipe Pereira

Deezer é Raiz e Spotify é Nutela, simples assim.
Quando Spotifalha foi lançado no Brasil, já usava o Dezzer a muito tempo!
e é muito mais intuitivo e organizado.

Felipe Pereira

Você testou tudo que é porcaria para comparar com spotify e concluir que por isso ele é o melhor?
brincou né? testa o Dezzer e depois diz se spotifalha é tão bom assim mesmo.

Fagner Ribeiro

Tem Tim controlee uso meu deezer o mês inteiro sem gastar a franquia. Seria ótimo se o trafegode podcast no deezer não descontasse tanbet.

Baidu feat MC Brinquedo

Gore!

Welington Souza

Sim! O Daily Mix é o que mais acerta!

Welington Souza

Eu até faço essas coisas, mas tem artistas que eu falo que nem quero ouvir mais e continuam a aparecer nas playlists automáticas.

Vinícius Machado

poxa, que engraçado

Carlin

HAHAHAHAAH

Petyr

Isso é uma das coisas que mais sinto falta. É chato ter que ficar muda do de playlist. Tão fácil seria eu só adicionar à fila.

Petyr

Dá o suficiente para o pessoal perceber como "é bom", o Premium. Espertinho, esse Spotify.

Pedro Zanini Pretto

Eu já acho é que tinham que melhor a interface do app pra usuários premium. A guia "home" é muito poluída com um monte de recomendações, playlists e coisas que não me interessam. A guia "browse" também precisa de um rotoque. Poderia me oferecer muito mais coisa nova ai, por exemplo. Certamente tem um jeito de organizar melhor isso. E que, por favor, aprendam o gosto musical do usuário. Os "Daily Mix" geralmente são ótimos, mas a quantidade de playlists, gêneros e artistas que jamais cheguei perto de ouvir (50% do que me oferecem é sertanejo) e que aparecem toda hora em todo canto é algo que não entra na minha cabeça. Eles deveriam saber que nunca vou consumir isso.

@Sckillfer

Eu tenho Nubank, Inter, Neon e Next.

Que venha o próximo abaixo! hahaha

Exibir mais comentários