As regras do Facebook para excluir algo que foi publicado pelos usuários nunca foram muito bem explicadas. Em geral, a plataforma divulgava normas sem tantos detalhes, fazendo com que elas fossem muito questionadas. Pensando em oferecer mais transparência, a rede social divulgou um documento com uma série de orientações.

O documento serve para apresentar os padrões de comunidade definidos pelo Facebook. Ele explica como a plataforma lida com posts que envolvem bullying, ameaça de violência, automutilação e nudez, por exemplo.

Foto por Oliver Graumnitz/Pixabay

“Sabemos que sempre haverá pessoas que tentarão postar conteúdo abusivo ou ter comportamento abusivo. Esta é a nossa maneira de dizer que essas coisas não são toleradas”, disse Monika Bickert, diretora de gerenciamento de políticas globais do Facebook.

Os padrões são válidos para todos os países em que o Facebook está presente. Ele pode ser atualizado a qualquer momento se houver a necessidade de dar mais informações sobre como lidar a respeito de uma nova ameaça. Para o material ser mais acessível, a plataforma o traduziu para mais de 40 idiomas.

As orientações também são válidas para outros serviços do Facebook. Nestes casos, as regras de cada plataforma poderão prevalecer. No Instagram, por exemplo, os usuários não precisam usar seus nomes reais.

Para ajudar nos trabalhos, o Facebook disse que até o final do ano dobrará o tamanho de sua equipe de revisão desses conteúdos, que atualmente conta com 10 mil pessoas.

Também há mudanças para permitir questionamentos sobre a decisão do Facebook de derrubar um post. Frequentemente, a rede social é criticada por apagar fotos que não deveria, como de mães amamentando seus filhos, por exemplo. Agora, os usuários poderão pedir para que a decisão seja revisada.

A plataforma tem até 24 horas para decidir se a ação será mantida ou se realmente houve um erro. Caso tenha sido um engano, o conteúdo volta a aparecer no perfil de quem o publicou.

Até o final do ano, a revisão também deverá ser oferecida caso um post que você denunciou não tenha saído do ar. Nesse caso, a rede social terá um tempo para reavaliar se acata ou não o seu pedido para remover o conteúdo.

Com informações: Facebook, The Verge.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Fábio Valentim

Engraçado que o Facebook não bloqueia postagem de extrema violência e humilhação pública. Quantas vezes eu vejo postagens de pessoas sendo agredidas violentamente e brutalmente e o Facebook simplesmente coloca um "cobertor" avisando que o conteúdo tem cenas de violência, mas quando se trata de nudez, eles são extremamente rigorosos, fazendo com que o usuário perca a conta no Facebook, o que acho uma palhaçada.

Facebook é liberal quando se trata de violência e crueldade, mas um carrasco quando se trata de sexualidade e nudez.

Tori

tem uma coisa sobre o Facebook que é estranha.
Se você tem uma conta verificada após "soft block", isto é, "sua conta foi bloqueada por XXXXXXXXXXXXXX" e tem que mandar os documentos, algumas dessas palavras saem do blacklist para ti.
eu geralmente uso fag, faggot e boiola pra zoar com o pessoal, e nunca levei um block sequer depois disso.
apenas se eu usar em uma frase especifica, exemplo "mulher é...sabe", ai sim eu tomo um block.

X-Tudãoᴳᴼᵀ

É porque as contas do Facebook e do Instagram da maioria são atreladas.

Dayman Novaes

A diferença é que o Orkut tinha cada vez menos usuários ativos, o Facebook está atualmente com 2 bilhões e crescendo, mesmo que sua percepção diga o contrário :/

DeadPull

Talvez o Facebook te considere uma persona non grata.

Paul

Já usei alguma dessas e nada aconteceu. Que coisa estranha... o_O

André G

E as palavras a seguir também estão proibidas: boiola, sapatão, bicha, traveco, fag, faggot.
Mas fique tranquilo, pois dizer "queria que todos os não-héteros morressem" ainda é permitido.

DeadPull

Do jeito que as coisas andam mal pro Facebook ultimamente, tá mais fácil ele próprio sair do ar daqui a algum tempo.

André G

Eu sou gay e já levei block várias vezes por simplesmente usar a palavra viado. Você não precisa usar a palavra de forma ofensiva, pode até mesmo dizer "eu tenho orgulho de ser viado" que você terá essa mensagem removida e levará block do Facebook por 30 dias.
Já levei block tbm em uma época que eu era moderador de uma página, removeram uma imagem de humor que não ofendia ninguém e nem tinha sido eu que postei a imagem, mas todos os moderadores levaram block.
Depois de uns 10 blocks meu perfil foi definitivamente deletado pelo Facebook, sem me dizerem o porquê, até tentei entrar em contato mas me deram uma resposta genérica. Depois disso não criei mais conta lá e vivo muito bem sem Facebook.

X-Tudãoᴳᴼᵀ

Facebook aos poucos está virando o novo Orkut, daqui a pouco vai vai tem ninguém lá, só no Instagram.