Início » Internet » O Instagram quer te ajudar a passar menos tempo vendo fotos dos seus amigos

O Instagram quer te ajudar a passar menos tempo vendo fotos dos seus amigos

Novo recurso ajudará você a saber por quanto tempo usou a rede social

Victor Hugo Silva Por

O Instagram deseja que você não gaste tanto tempo do seu dia vendo fotos, stories e mensagens de amigos (ou pelo menos esse é o discurso da empresa). Assim como algumas pesquisas, a rede social entende que pode trazer efeitos negativos para a saúde de quem a usa constantemente.

Pensando nisso, a rede social irá liberar em breve um recurso para Android chamado de “Insights de Uso”, que deverá ajudar você a saber quanto tempo gasta no app. Ainda não foi revelado se ele mostraria todo o tempo gasto desde a criação da conta ou se faria um recorte temporal (diário, semanal ou mensal, por exemplo).

Também não ficou claro se a ferramenta detalharia o uso por navegação no feed, no Stories ou no Direct.

Ainda assim, qualquer dado novo poderia oferecer mais controle sobre o tempo que passamos no Instagram. O recurso foi descoberto pela desenvolvedora Jane Manchun Wong, divulgado pelo TechCrunch e logo confirmado pela rede social.

Em seu perfil no Twitter, Kevin Systrom, CEO do Instagram, disse que a plataforma está criando ferramentas para ajudar a comunidade a saber mais sobre como usa seu tempo.

“Entender como o tempo na internet impacta as pessoas é importante, e é responsabilidade de todas as companhias serem honestas sobre isso. Queremos ser parte da solução. Eu levo essa responsabilidade a sério”, disse.

A estratégia do Instagram vai ao encontro do planejado por outras empresas, que querem tornar sua experiência na internet mais saudável. Em sua conferência para desenvolvedores, o Google apresentou um recurso de gerenciamento de tempo para o Android P. Ele ajuda a saber quanto tempo você gasta em cada aplicativo e permite definir bloqueios de uso.

Esta também é uma das preocupações do Facebook, proprietário do Instagram. Em janeiro, ao anunciar a mudança no algoritmo, Mark Zuckerberg demonstrou que o foco estava no bem-estar dos usuários.

Segundo ele, os usuários podem se sentir mais conectados e menos solitários quando se relacionam entre si. “Isso está relacionado com a nossa felicidade e saúde ao longo do tempo. Por outro lado, ler artigos ou assistir a vídeos passivamente — mesmo que divertidos ou informativos — pode não ser tão bom”.

Barra de emojis nos comentários

Ainda segundo Jane Manchum Wong, o Instagram também deverá implementar mudanças na área de comentários. A rede social trabalha em uma barra que exibiria os emojis mais usados e um ícone para facilitar a marcar de amigos.

O aplicativo ainda deverá ganhar uma opção de responder aos comentários a partir de uma notificação no Android. A solução dispensaria a necessidade de abrir o app e seria semelhante ao que já está disponível no WhatsApp, por exemplo.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

X-Tudãoᴳᴼᵀ

Saudades de quando a Mtv se resumia em música, South Park E Jackass.

Eddy

Hahaha. Carakas, dias atrás me veio à mente exatamente isto.
Na época achei genial, inovador e os caras tinha culhão suficiente para fazer aquilo, mas agora percebi que na verdade era só porque não tinha programação ou comerciais para passar. kkkk. Por isso tinha tanta reprise também.
Mas, gostava pra caramba. Bons tempos esperando o lançamento de um clipe.

John Smith

Usuário dá lucro; ele é o produto, hehe.

Mendonza

Até porque, como em todas as outras redes sociais, usuário não dá lucro.

Eliézer José Lonczynski

O que me faria gastar menos tempo é uma TL cronológica. Demoro bem mais até chegar no conteúdo dos contatos relevantes.

Lucas Santos

É tipo anúncio do ministério da saúde em maço de cigarro.

João Almeida

Menos fotos dos amigos e mais anúncios

John Smith

Mas é óbvio. O Instagram não quer que você se socialize, quer que você veja as propagandas e compre os produtos nelas veiculados.

Ricardo - Vaz Lobo

rarararararáaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

grande_dino_2
Em se tratando de tv x celular, era meio difícil, no meu tempo carregar
uma Telefunken 19" pela rua pra assistir o Globo Cor Especial, seja indo
pro trampo, pra escola etc.


É que você era fraco, só isso! :D

Ricardo - Vaz Lobo

Em se tratando de tv x celular, era meio difícil, no meu tempo carregar uma Telefunken 19" pela rua pra assistir o Globo Cor Especial, seja indo pro trampo, pra escola etc. Outra coisa é que a programação era muito menos variada que hoje, que fazia com que a gente ou ficasse em casa vendo o Cassino do Chacrinha, Clube do Bolinha, Raul Gil ou ir pra rua jogar bola "dente de leite" e beber água da torneira da vizinha.
Claro que você percebe que em muitos bares, não todos, quase não se escutam mais pessoas conversando. E o número de telepatas não aumentou tanto nas últimas décadas.

Ricardo - Vaz Lobo

Corre o risco do usuário se sentir culpado?

Shrueak

Qual é o problema exatamente de se passar X tempo no celular? Quando a televisão foi criada, provavelmente não conseguiam largar. Quando o radio foi criado provavelmente não conseguiam largar. Às vezes, eu penso nessas teorias da conspiração e culpo o cigarro por culpar (por baixo dos panos) todos os outros vícios saudáveis, de serem tão terríveis quanto ele. Amenizando assim seu caos. Faz tanto sentido quanto uma "internet saudável". Daqui a pouco sai quantas calorias por dia você ganha usando cada app.

X-Tudãoᴳᴼᵀ

Só falta mandar ler um livro igual ao comercial da Mtv "Pare de assitir Tv e vá ler um livro"