Início » Gadgets » Huawei lança Honor 10 com esquema de câmeras parecido com o do P20

Huawei lança Honor 10 com esquema de câmeras parecido com o do P20

Por
22 semanas atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

A Huawei acaba de anunciar o Honor 10, sucessor do Honor 9 e uma opção mais barata que o P20. Como diversos smartphones desse ano, ele segue a tendência de reduzir as bordas laterais e colocar um entalhe na parte frontal para acomodar a câmera e os sensores.

O aparelho vem com uma tela de 5,84 polegadas com display IPS LCD de resolução 2280×1080 pixels (proporção 19:9) e um leitor de impressões digitais na frente, mas que fica embaixo do vidro — por isso a borda na parte de baixo não é tão mínima assim.

Na traseira, o Honor 10 traz duas câmeras: uma de 16 megapixels e abertura f/1,8, que grava em 4K, e outra de 24 megapixels, abertura f/2,4, mas que funciona apenas em preto e branco. O P20 Pro, que tem um esquema de câmeras semelhante, foi muito elogiado no DxOMark; para os técnicos, o sensor P&B do P20 permitia “excelente desempenho em baixa iluminação e alcance dinâmico líder na categoria”.

Perto das câmeras, você pode notar que está escrito “AI Camera”. Sim: segundo a Huawei, um dos trunfos do Honor 10 é que a câmera traseira, graças à unidade de processamento neural (NPU), consegue reconhecer mais de 500 cenários de 22 categorias diferentes em tempo real, como uma cachoeira, plantas ou pessoas. Ela diferenciar mais de um objeto na foto.

Já a câmera frontal vem com generosos 24 megapixels e abertura f/2,0. Segundo a Huawei, ela suporta “reconhecimento facial 3D”, que cria mais de cem pontos no seu rosto e identifica detalhes “a nível de pixel”.

Assim como o P20, o Honor 10 tem uma traseira com uma cores bem únicas e bonitas, que mudam de acordo com o ângulo que você olha para o smartphone. Segundo a Huawei, outro trunfo do Honor 10 é que a parte de trás é feita com “15 camadas de vidro 3D”.

Por dentro, o Honor 10 tem um processador Kirin 970 (o mesmo do P20), 4 GB ou 6 GB de RAM e 64 GB ou 128 GB de memória interna. A bateria é de 3.400 mAh, com carregamento rápido de 20W. Ele tem uma entrada USB-C, outra de 3,5 mm para fones de ouvido e suporte a dois chips.

O Honor 10 já está disponível em 26 países (o Brasil não é um deles). O preço, apesar de ser menor quando comparado ao do P20, ainda é salgado: o modelo de 6 GB de RAM com 64 GB de memória custa € 400 (US$ 474), enquanto a versão mais cara, com 128 GB de armazenamento, sai por € 450 (US$ 533).

Com informações: AnandTech.

Mais sobre: ,