Tecnoblog

Huawei volta ao Brasil com smartphone top de linha em parceria com Positivo

Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

A Huawei foi a terceira maior fabricante de smartphones no ano passado, atrás apenas da Samsung e Apple. No entanto, ela esteve ausente do mercado brasileiro por muitos anos — seu último lançamento por aqui foi o Ascend P7, no final de 2014.

Isso deve mudar em breve. A Huawei promete vender smartphones no Brasil entre agosto e setembro, incluindo o P20 Pro com câmera tripla e um intermediário da linha Nova.

Eles serão importados da China e vendidos em parceria com a Positivo, que ficará responsável pela distribuição, vendas, marketing e suporte técnico. Você poderá comprá-los através da internet, em quiosques da Positivo e em pelo menos um varejista, de acordo com o Mobile Time.

Huawei P20 Pro

Os preços não foram divulgados, mas a empresa diz ao TeleSíntese que seus aparelhos serão mais em conta que de seus concorrentes Samsung e Motorola.

A Huawei estuda fabricar seus aparelhos no Brasil se, em um ano, conseguir 1% do mercado local de smartphones. Isso equivale a vender 5 milhões de unidades em um ano.

“Quando viemos para cá da primeira vez, não éramos fortes o suficiente, e não tivemos boa experiência. Agora, entendemos que é a hora certa para trazermos os aparelhos premium”, diz Adam Xiao Ersong, da Huawei.

A empresa vê sua ausência no mercado brasileiro como um “calcanhar de Aquiles”. Seu volume global de vendas de smartphone cresceu 51 vezes nos últimos sete anos. Em alguns países da Europa, como a Espanha, ela detém mais de 30% de participação.

A Huawei tem planos de liderar o mercado global de smartphones até 2020. Ela está tendo dificuldades com essa meta devido à resistência dos EUA, que acusam a fabricante de ajudar o governo da China em ações de espionagem.

A Best Buy, maior varejista de eletrônicos nos EUA, deixou de vender smartphones da Huawei este ano. A operadora AT&T cancelou o lançamento do Mate 10 Pro no país, enquanto a Verizon desistiu de vender aparelhos da marca.

Com informações: Mobile Time, TeleSíntese. Atualizado em 08/06.