Tecnoblog

Você pode embarcar em voos domésticos com app da CNH ou título de eleitor

No último ano, o governo liberou versões digitais para a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e para o título de eleitor. São aplicativos de smartphone que permitem deixar sua carteira um pouco menos cheia (contanto que sua bateria não acabe fácil).

Daqui para a frente, você poderá usar a CNH-e e o e-Título para se identificar no embarque em voos domésticos. Isso já vale para todo o país.

Foi incluso na lista até mesmo o novo DNI (Documento Nacional de Identificação), que traz seus números do CPF e do título de eleitor. Ele está sendo testado com servidores públicos, e deve ser lançado para mais pessoas em julho.

Há uma ressalva para o e-Título: ele precisa conter sua foto, que é obtida quando você faz o cadastro biométrico.

A Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) concluiu, após análise técnica, que “os documentos em suporte eletrônico podem ser aceitos” para identificação no embarque. Cabe às empresas aéreas esclarecer quais documentos eletrônicos são aceitos.

Latam, Gol, Avianca e Passaredo atualizaram seus respectivos sites para avisar que já aceitam a CNH-e, e-Título (com foto) e DNI. A Azul, por sua vez, ainda diz que aceita somente a CNH-e.

Vale lembrar que esses documentos digitais são válidos somente para voos domésticos. Se você viajar para o exterior, precisará mostrar o RG ou passaporte, dependendo do destino.