Durante a feira Computex, a Intel apresentou um processador com 28 núcleos funcionando a 5 GHz. Ela prometeu lançá-lo no quarto trimestre, mas revelou poucas informações — não sabemos nem mesmo seu nome oficial.

E a Intel confessa que deixou de mencionar um detalhe bem importante: ela fez overclocking extremo no processador, e precisou usar um resfriador industrial para a máquina não derreter.

Um representante diz ao Tom’s Hardware que, “na empolgação do momento”, a empresa se “esqueceu” de dizer ao público que fez overclock no sistema. Ou seja, ele será vendido a um clock inferior a 5 GHz.

A Intel estava usando um resfriador de água Hailea HC-1000B que consome até 1.000 W. O sistema também requer uma fonte de alimentação de 1.300 W, levando o consumo máximo de energia a absurdos 2.300 W.

Na apresentação, a Intel sugeriu que esse processador seria voltado para gamers. Depois, ela esclareceu que seu alvo será o mercado de workstations profissionais. O chip usará o enorme soquete LGA3647 (de 3.647 pinos) compatível com alguns processadores Xeon.

Além disso, ele será fabricado no processo 14 nm++, o que realmente torna inviável rodar tantos núcleos a 5 GHz com resfriamento tradicional. A empresa só conseguirá lançar processadores de 10 nanômetros em 2019.

De um jeito ou de outro, esse chip deve custar caro. Como lembra o Ars Technica, a linha Xeon de 28 núcleos começa em cerca de US$ 8.700.

Esse caso me fez lembrar da CES 2012, quando a Intel demonstrou um ultrabook rodando um jogo em DirectX 11, mas na verdade era apenas um vídeo no VLC.

Com informações: Tom’s Hardware, Ars Technica.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Caleb Enyawbruce

Boa!

Macgyver Freitas

Tinha quase certeza q n ia rolar, 5GHz com 28 núcleos ainda é inviável com resfriamento normal

Bruno

Ainda existe fanboys de Intel e AMD? Até entendo fanboilismo com Apple, Harley, Jack Daniels, pois são empresas grandes mas com alguma personalidade. Intel e AMD são tipo a IBM, empresas burocráticas sem personalidade alguma.

Bruno

Tava fazendo o trabalho de rodar o vídeo! hahahahah

Romulo Vasconcellos

kkk protótipo em estágio pré-alpha. Parece que tiveram que correr e antecipar algo que não tava pronto. Nada como uma boa concorrência pra tirar a Intel da estagnação. Pra resolver aquecimento vão ter que evoluir pra 10nm. Obrigado Threadripper 2.

Lord Cheetos

5 GHz 28 núcleos 14 nm, que milagre eles teriam feito? Não tinha como isso ser verdade.

Lord Cheetos

Alguma hora eles teriam que falar, mas obviamente só falaram tão cedo por causa das imagens.

Uzumaki Jiraya

Kkkk. Rindo litros dos fanboys intelover.

johndoe1981

"Esqueceu"

Ahan, sei...

Joao Paulo

Quando a empresa não tem o que apresentar e vê o concorrente se destacando .Era melhor ter ficado quieto.

Roger Cleber Masters

Também sou mais um Ryzen que essa merda de Intel.KKK

Leonardo de Pádua

O que a Intel não disse, é que, o usuário vai ter que utilizar um sistema de refrigeração de frigorífico para gelar esse super processador, hahahaha!

Mais um ponto pro ryzen

DumbSloth87

A Intel entrou em parafuso depois que a AMD lançou as linhas Ryzen, Ryzen Threadripper e EPYC, essa última batendo onde a Intel ganha mais, servidores. Intel ficou mal acostumada com a dormência da AMD no começo da década e agora faz de tudo pra tentar ofuscar a AMD (que anunciou um Threadripper de 32 núcleos! Sendo resfriado por um cooler torre normalzinho).

Anti-Hater

Tirando toda a parte que a Intel mentiu, o resto é verdade, ou seja, quase nada HAHAHA

Exibir mais comentários