A Xiaomi tem algumas linhas de smartphone, como o Mi Mix (quase sem bordas na tela), Mi Max (com bateria grande), Redmi Note e Redmi. Este último reúne os aparelhos intermediários, e ganhou dois novos membros: conheça o Redmi 6 e 6A.

Há várias diferenças entre os dois aparelhos, mas um aspecto em comum é a tela. São 5,45 polegadas, resolução HD+ e proporção 18:9. Ela ocupa 80,5% da parte frontal.

Redmi 6

O Redmi 6 tem processador MediaTek Helio P22 octa-core de até 2 GHz. (A geração anterior tem chip Snapdragon.) Ele está disponível em combinações 3 GB/32 GB e 4 GB/64 GB de RAM e armazenamento.

A câmera traseira é dupla, com sensores de 12 megapixels e 5 MP. Os pixels no sensor principal medem 1,25 µm e absorvem mais luz. A câmera frontal tem 5 MP, e tem reconhecimento facial para desbloqueio.

Redmi 6A

Enquanto isso, o Redmi 6A traz o processador Helio A22 quad-core de até 2 GHz, 2 GB de RAM e 16 GB de armazenamento. A câmera traseira tem 13 megapixels, enquanto a câmera frontal é de 5 MP.

O Redmi 6 e 6A têm bateria de 3.000 mAh e possuem corpo feito de policarbonato, com acabamento de metal escovado. Ambos rodam Android 8.1 Oreo, acompanhados pela assistente de voz Xiao AI que promete reconhecer plantas, veículos e itens para compra direto da câmera.

A Xiaomi vai lançar os dois aparelhos na China em 15 de junho. O Redmi 6A custa o equivalente a R$ 350, enquanto o Redmi 6 sai por R$ 460 (na versão 3 GB/32 GB) e R$ 580 (na versão 4 GB/64 GB).

Com informações: Xiaomi, Android Police.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Marcos Soares Santos

pra um cel pra ficar com a tia, ta ótimo

Marcos Soares Santos

problema de mediatek é o desempenho. esquentam muito e drenam a bateria. pelo menos na linha pé de barro da mtk é assim, não sei na helio

Creeper_Mod Android

Helio A22 compete com o obscuro Snapdragon 429, o Helio P22 se compara ao Snapdragon 625

Creeper_Mod Android

Pelo que eu vi, o Redmi 6A não tem giroscópio, já o 6 tem

Lucas Coelho

Sabe me dizer se ambos tem os mesmo sensores? giroscopio, acelerometro, etc.

felipegcoutinho

De fato! HAUHAUHA!

Felipe Liʍa

ahh mas uma pessoa que gosta de custom ROMs, ctz nao compraria esse aparelho! Esses aparelhos é pra deixar com a avó, mae, tia, e deixa ela postar RECEITA DE BOLO no WhatsApp! ¯\_(ツ)_/¯

Henrique Santos

É... questão de gosto. Se você gosta muito do iOS, fez um bom negócio... eu particularmente não gosto do iOS pois acho um sistema muito limitado em relação a customização. Entre um Xiaomi de 350 reais e uma oportunidade de comprar um iPhone SE por 350 reais (sem pensar em revenda claro) eu preferiria pegar o Xiaomi.

felipegcoutinho

Sim, para quem não liga muito para as operações técnicas realmente não vai ser problema, mas para um usurário que curte customs roms por exemplo é uma merda.

Jorge Luis

Tão caro? Bem, eu tenho um e achei um bom negócio comprar ele. Não comprei aqui, mas comparando com os outros eu particularmente não acho que saí no prejuízo.

Henrique Santos

Sim, é um aparelho de entrada. Mas é besta quem paga tão caro por um.

Jorge Luis

Então por esta lógica o iphone SE é de entrada?

Felipe Liʍa

Para um cel de 400 reais, ta bom!

grande_dino_2

Isso não faz com que MediaTek seja menos pior.

Felipe Liʍa

So tomar cuidado. Nao tendo azar de pegar um aparelho bichado, ou vc nao sendo um ogro da vida, da pra usar esses aparelhos no minimo 1 ano e meio!

Exibir mais comentários