Início » Aplicativos e Software » Skype poderá acabar se eBay não entrar em acordo com seus criadores

Skype poderá acabar se eBay não entrar em acordo com seus criadores

Avatar Por
10 anos atrás
Programa com prazo de validade?

Programa com prazo de validade?

O popular programa de VoIP pode estar com seus dias contados, de acordo com o eBay que comprou o Skype em 2005 por 2,6 bilhões de dólares. Os inventores do serviço, Niklas Zennstrom e Janus Friis, venderam quase tudo na época. Mas parte do código usado na espinha dorsal da tecnologia de VoIP através de P2P criada por eles ainda é de propriedade dos dois, ela não foi vendida junto com as logomarcas e o programa. E é nessa parte que acontece a disputa.

Desde a compra, o eBay licenciou o uso dessa tecnologia através da Joltid, empresa criada por Niklas e Janus, para que o Skype pudesse funcionar. Só que a dupla agora ameaça revogar o uso da licença porque o eBay não licenciou para distribuição todas as partes do código que usa no Skype. E como eles planejam abrir o programa no futuro, a dupla acha que eles deveriam pagar pela devida licença. Por isso, a empresa de leilões online está batalhando na justiça britânica para poder continuar usando a tecnologia enquanto, ao mesmo tempo, tenta desenvolver uma alternativa viável à ela, mas que, segundo o próprio CEO John Donahoe, seria difícil de implementar e provavelmente não funcionaria totalmente com versões anteriores.

O serviço tem atualmente mais de 480 milhões de pessoas cadastradas ao redor do mundo, sendo 40 milhões deles usuários ativos diariamente. Segundo uma pesquisa realizada pela TeleGeography, mais de 8% de todo o tráfego de VoIP da internet são gerados por usuários Skype. E a ameaça não atinge apenas a base de clientes do programa. Se o acordo não for fechado, vários gadgets perderiam a habilidade de fazer chamadas VoIP, que acontece unicamente através de versões móveis do programa. São aparelhos como o PSP, celulares Nokia e até mesmo o iPhone. [Slashdot / Bloomberg]

Mais sobre: , ,
Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários.