Início » Computador » Apple vai consertar MacBooks fora da garantia com falhas no teclado

Apple vai consertar MacBooks fora da garantia com falhas no teclado

Por
17 semanas atrás
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

Depois de ser processada pelo teclado “reinventado” dos MacBooks, apresentado em 2015, a Apple anunciou um programa de reparo para consertar teclas que não funcionam ou travam repentinamente. O processo é gratuito e vale mesmo para notebooks que estiverem fora da garantia.

O teclado problemático se baseia em um mecanismo que lembra as asas de uma borboleta, distribuindo com mais uniformidade a pressão sobre a tecla do que o tradicional “mecanismo tesoura”, possibilitando digitar com mais conforto e menos erros. No entanto, consumidores reclamam que uma falha permite que poeira e detritos se acumulem mais facilmente abaixo da tecla, inutilizando o componente.

O programa de reparo vale para os seguintes modelos, de 2015 a 2017:

  • MacBook (Retina, 12 polegadas, Early 2015)
  • MacBook (Retina, 12­ polegadas, Early 2016)
  • MacBook (Retina, 12 polegadas, 2017)
  • MacBook Pro (13­ polegadas, 2016, duas portas Thunderbolt 3)
  • MacBook Pro (13 polegadas, 2017, duas portas Thunderbolt 3)
  • MacBook Pro (13 polegadas, 2016, quatro portas Thunderbolt 3)
  • MacBook Pro (13 polegadas, 2017, quatro portas Thunderbolt 3)
  • MacBook Pro (15 polegadas, 2016)
  • MacBook Pro (15 polegadas, 2017)
Teclado - MacBook

Segundo a Apple, “uma pequena porcentagem” dos teclados pode apresentar os seguintes comportamentos: “letras ou caracteres se repetem inesperadamente; letras ou caracteres não aparecem; teclas parecem ‘travadas’ ou não respondem de maneira consistente”. Quem tiver os problemas mencionados pode levar o MacBook a um centro autorizado para que as teclas sejam substituídas.

Quem teve o problema e pagou pelo conserto deve entrar em contato com a Apple para ser reembolsado. Nos Estados Unidos, a empresa cobrava valores entre US$ 400 e US$ 700 para que todo o teclado fosse substituído em MacBooks fora da garantia. O novo programa garante o reparo gratuito por até quatro anos após a primeira venda do notebook.

Todos os detalhes estão nesta página.

Mais sobre: , ,