Início » Telecomunicações » Nextel pode ser vendida para a Vivo

Nextel pode ser vendida para a Vivo

Felipe Ventura Por
1 ano atrás

A Nextel está em apuros. A operadora vem sofrendo prejuízos há anos, e seu maior diferencial — a tecnologia iDEN de rádio — perdeu espaço para WhatsApp e semelhantes. Agora, a Vivo parece estar interessada em comprá-la.

Fontes dizem à Reuters que a NII Holdings, dona da Nextel, contratou uma assessoria financeira para vender seu controle de 70% da operadora no Brasil. Entre os potenciais interessados, estão a Telefônica/Vivo; e a Access Industries, que já tem participação de 30% na Nextel.

Loja Nextel

No ano passado, um grupo escandinavo iria assumir controle da operadora. A Ice Group Scandinavia Holdings ficou com 30% da Nextel após realizar um aporte de US$ 50 milhões. Ela tinha a opção de injetar mais dinheiro para assumir 60% da empresa, mas perdeu interesse.

Segundo o TeleSíntese, a Nextel é dona de 20 MHz de espectro nas frequências de 1,9 GHz e 2,1 GHz em todo o país. Ela também possui faixas adicionais em São Paulo, Rio de Janeiro e alguns outros estados.

Tudo isso poderia ser usado para fornecer 3G e 4G. Como as antenas e redes já estão instaladas, outra operadora poderia simplesmente comprá-las sem realizar um investimento alto.

A Nextel também é dona da banda 27, que era usada para o serviço de rádio. Ela não funciona nos smartphones disponíveis no mercado. A operadora desativou todas as redes iDEN em março deste ano. A tecnologia é proprietária da Motorola, e ela não fornece aparelhos compatíveis no Brasil.

A NII Holdings já deixou suas operações na Argentina, Peru, Chile e México — só falta o Brasil e seus 3 milhões de assinantes. Ela teve prejuízo de US$ 1,55 bilhão em 2016. Após reestruturar sua dívida, as perdas caíram para US$ 301 milhões em 2017.

Mais sobre: , ,