Início » Negócios » A maior fábrica de smartphones no mundo será da Samsung

A maior fábrica de smartphones no mundo será da Samsung

120 milhões de smartphones a cada ano

Felipe Ventura Por

A Samsung vai expandir uma fábrica de smartphones na Índia para torná-la a maior do mundo. Ela vai dobrar sua capacidade de 68 milhões para 120 milhões de unidades produzidas por ano; as obras serão concluídas até 2020.

A fábrica da Samsung terá 140 mil m² e fará desde smartphones de baixo custo — abaixo de US$ 100 — até a linha Galaxy S, diz a empresa em comunicado. Ela também poderá incluir outros aparelhos eletrônicos no futuro, como geladeiras e TVs.

Foto por Jamie McCall/Flickr

A Samsung tem fábricas na Coreia do Sul, EUA e Brasil, mas o mercado de smartphones vem crescendo devagar nesses países. Por isso, a empresa está de olho na Índia: mais de 10% de sua produção total já é feita no país, e isso pode subir para 50% nos próximos três anos.

A venda de smartphones aumentou 14% na Índia durante o último ano, ritmo mais rápido entre os vinte principais mercados do mundo. Foi um total de 124 milhões de unidades, segundo a IDC, ficando atrás somente da China (e à frente dos EUA).

Por muito tempo, a Samsung foi a fabricante que mais vendia smartphones na Índia. Este ano, ela foi desbancada pela Xiaomi — que promete instalar mais três fábricas no país.

O primeiro-ministro Narendra Modi vem promovendo a iniciativa “Make in India” para atrair investimento direto estrangeiro; no ano passado, foram US$ 62 bilhões no total, incluindo reinvestimento.

Com informações: Bloomberg, Economic Times.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Denisson

MEU INVENTO E UM CARREGADOR PARA CELULAR TOTALMENTE SEM FIO QUERO VENDER MEU PROJETO.
Bom creio que todos usam celular, e sabem que muitas vezes o suso indevido do carregador e no uso do celular carregando pode proporcionar graves acidentes, pensando nisso e que criei um modelo de carregado que vai evitar muitos destes acidentes .não irei postar foto para preservar
esta inovação( carregador sem fio) .DIGO PARA TODOS QUE FABRIQUEI ESTE CARREGADOR E ESTAMOS USANDO DIARIAMENTE .
PARA QUE CHEGUE AO MERCADO EM GRANDE ESCALA
E PRECISO DE EMPRESAS QUE APOSTE NESTE prototico JÁ
EM USO .
[email protected]

Fabio Montarroios

Agora só falta o Estado obrigar a maior do mundo recolher o lixo q ela vai espalhar por aí. (Por enqto eles recolhem voluntariamente toners de impressora.) E o Estado tb precisa obrigar o Cidadão "de Bem" a fazer o descartes correto.

Felipe Liʍa

se vender a linha J1 para a metade da população da Índia ja estara no lucro

Marcus Araújo

Agora teremos as variantes "J1", "J1,5", "J1,75", "J2", "J2,25" etc para justificar esse aumento né ahahahahaha
Não acredito que haverá um ganho muito grande de mercado pela Samsung nos próximos anos que justifique esse aumento de produção, tendo em vista também que as pessoas estão levando mais tempo para trocar de aparelhos. Mas quem sabe não vem coisa boa daí?

Ramon

Vai precisar de duas dessas só pras variantes da linha J

Everton

Que interessante!

DeadPull

Esta é a fábrica da Samsung em Manaus, minha cidade. Como você pode ver, é a própria Samsung que fabrica seus produtos.

http://www.techtudo.com.br/...

André Almeida Martins

"Ela vai dobrar sua capacidade de 68 milhões para 120 milhões de unidades "

Algo de errado não está certo!

Léo Oliveira

Acredito que, aqui no Brasil, a Flextronics (hj apenas Flex), seja responsável, assim como algumas montadoras de equipamentos eletrônicos na zona franca

Everton

Essa notícia me fez lembrar o caso da Foxconn. Pensava que a Samsung fosse cliente dela também...