Início » Negócios » Hugo Barra ganha R$ 800 milhões com a entrada da Xiaomi na bolsa

Hugo Barra ganha R$ 800 milhões com a entrada da Xiaomi na bolsa

Por
11/07/2018 às 13h55
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

A Xiaomi realizou na segunda-feira (10) sua oferta pública inicial (IPO) na bolsa de valores de Hong Kong. A empresa ficou longe de atingir o desempenho esperado, mas pode ter deixado seu ex-executivo Hugo Barra bastante satisfeito.

Com a abertura do capital da Xiaomi, o ex-vice-presidente de operações globais da empresa ganhou 86,2 milhões de ações da companhia. Elas são avaliadas em 19 dólares de Hong Kong (HK$) cada, o lhe dá direito a HK$ 1,64 bilhão (ou R$ 807 milhões).

Hugo Barra foi executivo da Xiaomi entre 2013 e 2017

A informação foi encontrada pelo repórter da Bloomberg, Tim Culpan, no prospecto da oferta da Xiaomi. O documento não menciona o nome de Hugo Barra, mas sim ao cargo que foi criado justamente com a sua chegada à companhia.

Ele se juntou à Xiaomi em 2013 após deixar a posição de chefe do Android, no Google. No ano passado, ele mudou de cargo novamente: foi comandar a divisão de realidade virtual dentro do Facebook.

TechCrunch lembra que a perda do direito às ações é comum quando há uma saída antes do previsto, mas não foi o que aconteceu com Barra. O executivo, que compareceu à cerimônia da companhia na bolsa da Hong Kong, terá direito ao valor em 1º de outubro.

Além dele a Xiaomi concederá ações para outros dois antigos executivos. Um ex-cientista chefe da empresa tem direito a 84 milhões de cotas e um ex-diretor de hardware, a 17,5 milhões. As quantias são consideráveis, mas pequenas em relação ao universo de 22 bilhões de ações oferecidas pela companhia.

Mais sobre: ,