Tecnoblog

Ubisoft pune jogadores de Rainbow Six Siege com linguagem abusiva

A Ubisoft tem um novo mecanismo para impedir que os jogadores usem linguagem inadequada no chat de Rainbow Six Siege. Segundo o PC Gamer, vários jogadores têm sido suspensos depois de enviarem mensagens com conteúdo racista ou homofóbico.

Eles descumpriram o código de conduta do Rainbow Six Siege, que proíbe “qualquer linguagem ou conteúdo considerados ilegais, perigosos, ameaçadores, abusivos, obscenos, vulgares, difamatórios, odiosos, racistas, sexistas, eticamente ofensivos ou que constituam assédio”.

O primeiro envio de uma mensagem abusiva resulta em uma suspensão de 27 minutos. Caso a situação se repita pela segunda ou terceira vez, a punição é elevada para duas horas fora do jogo. Em seguida, os casos são investigados e podem levar a uma expulsão permanente do jogador.

As consequências para jogadores com comportamento inadequado eram analisadas pela Ubisoft ao menos desde abril, quando sua equipe de desenvolvedores revelou a intenção de criar um recurso para remover linguagem tóxica da plataforma.

O objetivo era criar uma espécie de filtro de palavras proibidas. “Isso substituirá as palavras que foram identificadas como ofensivas e oferecerá aos jogadores uma notificação de que sua linguagem foi considerada inaceitável”, dizia o texto.

A solução liberada em Rainbow Six Siege não inclui uma censura prévia das palavras. Os jogadores podem enviar as mensagens inadequadas, mas são imediatamente suspensos depois disso.

O recurso ainda está sendo aprimorado pela Ubisoft. Os jogadores podem enviar sugestões de melhorias para a equipe da empresa, que também tem punido quem tenta burlar o sistema.

Com informações: TechCrunch.