Início » Telecomunicações » Qualcomm revela módulo de antena que permitirá 5G em smartphones

Qualcomm revela módulo de antena que permitirá 5G em smartphones

Qualcomm já havia anunciado modem 5G; módulo de antena QTM052 é o componente que faltava para levar a tecnologia a dispositivos móveis

Emerson Alecrim Por

O 5G está mesmo vindo aí. Pelo menos esse é o recado que a Qualcomm transmite ao anunciar, nesta segunda-feira (23), o QTM052, módulo de antena para ondas milimétricas (mmWave). A descrição pode até parecer complexa, mas representa um avanço importante: o módulo permitirá que smartphones e outros dispositivos tenham acesso estável às redes 5G.

A Qualcomm anunciou o seu primeiro modem 5G há quase dois anos. Trata-se do Snapdragon X50. Obviamente, ele funcionará em conjunto com processadores Snapdragon que serão lançados para smartphones compatíveis com 5G. A expectativa é a de que os primeiros modelos sejam lançados em 2019 (se vai haver redes do tipo funcionando na ocasião ou não, é outra história).

Qualcomm QTM052

Faltava resolver a questão dos módulos de antena. Redes 5G deverão ser muito mais rápidas que as atuais redes 4G — a Qualcomm fala em taxas de até 5 gigabits por segundo. Em grande parte, isso será possível graças à exploração dos espectros de ondas milimétricas, que correspondem a frequências mais altas, acima de 6 GHz.

No caso do 5G, estamos falando de frequências superiores a 24 GHz (mas frequências abaixo de 6 GHz também serão suportadas). Faixas tão altas propiciam velocidades mais elevadas, mas deixam os sinais extremamente suscetíveis a interferências ou mesmo a bloqueios completos. Paredes, mudanças climáticas e até o contato das mãos do usuário com o aparelho podem afetar seriamente a transmissão.

É por isso que o QTM052 é tão importante para as estratégias de 5G da Qualcomm. O módulo tem quatro antenas e tamanho próximo ao de uma moeda de um centavo de dólar, portanto, pode ser implementado em smartphones com relativa facilidade.

Relativa porque, provavelmente, os fabricantes não instalarão apenas uma unidade do QTM052. O modem Snapdragon X50 suporta até quatro módulos, o que significa que cada aparelho pode ter até 16 antenas. A Qualcomm acredita que os fabricantes adotarão pelo menos três módulos.

Mas o que os módulos fazem para evitar que o sinal seja prejudicado em transmissões mmWave? Ainda que sem entrar em detalhes, a Qualcomm explica que o QTM052 suporta tecnologias para direcionamento e rastreamento dos feixes do sinal, características que melhoram sensivelmente o alcance das transmissões.

O QTM052 é do tamanho de uma moeda

O QTM052 é do tamanho de uma moeda

Implementar mais de um módulo também é uma estratégia para trazer estabilidade à conexão. O modem Snapdragon X50 recebe dados de apenas um módulo por vez, mas permanece monitorando os demais. Assim, se o módulo que está recebendo sinal for bloqueado ou ficar fraco por algum motivo, o modem buscará sinal em outro.

Frequências abaixo de 6 GHz precisarão de antenas à parte — os módulos QPM56xx. O QTM052 foi desenvolvido especificamente para frequências altas. Chama atenção, porém, o fato de o módulo suportar as bandas n257 (26,5 a 29,5 GHz), n261 (27,5 a 28,35 GHz) e n260 (37 a 40 GHz), mas a Qualcomm não ter citado a banda n258 (24,25 a 27,5 GHz), que está prevista para Europa e China. Esse detalhe sugere que o foco inicial da companhia está nos Estados Unidos.

Seja lá como for, os primeiros módulos já estão sendo enviados para testes dos fabricantes. LG, Samsung, Sony e Xiaomi estão entre as companhias que já confirmaram planos para trabalhar com os componentes 5G da Qualcomm.

Com informações: AnandTech.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Meow

nuss... que azar cara.

Fagner

Roms originais. O primeiro foi um LG G2, que disseram que era problema crônico da LG. Depois disso foram dois Motorola, e todos sempre com o problema da qualcomm qshub. Estou preferindo aparelhos com mtk

Meow

Quais foram os aparelhos que apresentaram hardbrick?
Eram ROMs originais ou customizadas?

@Sckillfer

Sdds época do quad-band é tudo que tu precisa pra ter sinal em qualquer operadora/lugar*

Caleb Enyawbruce

Que loucura...

Krosna Terrestre

Deve ser no 4.5G. Aqui no Rio, com sorte consigo 20mbps no 4G da Vivo.

Krosna Terrestre

onde ?

Fagner

Sem contar que nada que venha da qualcomm presta. Todos os aparelhos celulares que tive e vieram.com processador deles, deu hardbrick.

Yago G. Oliveira

Sim.
Na prática fica uns 40% disso.

Yago G. Oliveira

10Gbps

@Sckillfer

E lá vem a fragmentação exagerada de qual aparelho suporta qual rede de novo (sem nem ter sido resolvida a do 4G ainda)... Sdds época do quad-band

Daniel Ribeiro

Também acho que aplicação dessas frequências altíssimas será exclusivamente indoor... Dificilmente um transreceptor de 20Ghz vai conseguir alcance significativo.

Zanac_Compile

Qual a largura de banda alcançada pelas redes de 5a geração ?

Krosna Terrestre

5 gigabits na coréia do sul = 100mbps no Brasil

Lord Cheetos

Dentro de casa vai ser 4G e fora 5G, isso se não tiver prédio no meio do trajeto.

Exibir mais comentários