Início » Celular » Snapchat desiste de sistema de pagamentos Snapcash

Snapchat desiste de sistema de pagamentos Snapcash

André Fogaça Por

A partir do dia 30 de agosto deste ano, o Snapchat descontinuará seu serviço de pagamento de ponto a ponto, o Snapcash – ou seja, o valor vai de um usuário direto para outra pessoa. Lançado em 2014, o serviço foi um dos primeiros deste tipo.

Quatro anos depois de seu lançamento, muito antes do Facebook levar os stories para o Instagram, o Snapcash era lançado como um dos poucos meios para enviar dinheiro de um usuário para outro, sem envolver transferência bancária. Para transferir o valor, a única exigência é de um cartão de débito e o dinheiro passa pelo chat do programa.

Snapchat - iPhone

Hoje vários aplicativos fazem isso (muitos brasileiros) e grandes empresas também entraram nesta ideia, como o Google, Apple, Facebook e o PayPal, o que certamente foi um golpe duro para o Snapchat.

Não há motivos específicos para o fechamento, o que deixa espaço de sobra para especulação que você leu nas linhas acima: a concorrência ficou cada dia mais pesada, fazendo o Snapcash não decolar. Em mais um serviço, já que o número de usuários não cresce mais como antes.

O vazamento de mais de dados de quase cinco milhões de usuários pode ter abalado a confiança no Snapchat, principalmente quando dinheiro está envolvido na conversa entre duas pessoas.

Sim, claro, a comercialização de fotos com nudes, com o pagamento feito pelo próprio Snapcash, também pode ter contribuído para que algumas pessoas não pensassem tanto em dividir o valor pago pela pizza do final de semana.

Com informações: The Verge e Techcrunch.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

johndoe1981

Bom começar a providenciar o caixão, porque o Snapchat está em fase terminal.

Rod

Po, tá moribundo, não?

Acho que não tem ninguém que eu conheça que não tenha parado de usar.

Erisdan Maciel

O Snapchat respira por aparelhos.

S Y N T H W A V E + L O V E R

O app indo para o buraco e o CEO ganhando mais de US$ 500 milhões.