Início » Celular » Mi A2 e Mi A2 Lite são os novos Android One da Xiaomi

Mi A2 e Mi A2 Lite são os novos Android One da Xiaomi

Xiaomi Mi A2 e Xiaomi Mi A2 Lite trazem especificações intermediárias, Android praticamente puro e preços acessíveis (lá fora)

Emerson Alecrim Por

A Xiaomi escolheu esta terça-feira (24) para anunciar, na Espanha, o Mi A2 e o Mi A2 Lite. Os dois modelos chegam para atualizar as opções da marca que fazem parte do Android One, programa do Google criado para melhorar a experiência oferecida pela plataforma em smartphones mais acessíveis.

Xiaomi Mi A2

Mas não estamos falando de uma novidade em todos os sentidos. Assim como o Mi A1 é baseado no Mi 5X comercializado na China, o Mi A2 tem como base o Mi 6X que a Xiaomi anunciou em abril.

Essencialmente, a única diferença entre ambos é que o Mi A2 traz, como requisito do programa Android One, o Android 8.1 Oreo puro (com previsão de atualização para o Android P), sem a interface MIUI. O hardware é praticamente o mesmo, portanto:

  • Tela IPS de 5,99 polegadas, resolução de 2160×1080 pixels e formato 18:9;
  • Processador octa-core Snapdragon 660 de 2,2 GHz;
  • 4 ou 6 GB de RAM;
  • De 32 a 128 GB de armazenamento;
  • Câmeras traseiras com 12 e 20 megapixels (sensores Sony IMX486 e IMX376, respectivamente);
  • câmera de 20 megapixels na frente (também um Sony IMX376);
  • Bateria de 3.010 mAh com Quick Charge 3.0;
  • Bluetooth 5.0, Wi-Fi 802.11ac e porta USB-C.

O Xiaomi Mi A2 não tem conexão para fones de ouvido, slot para microSD e NFC.

Xiaomi Mi A2 Lite

Xiaomi Mi A2 Lite

O Mi A2 é um intermediário com configurações bastante interessantes, mas isso é refletido nos preços. Não que ele seja caro, mas o Android One também contempla opções mais simples e, consequentemente, mais acessíveis. Para esse segmento, a Xiaomi preparou o Mi A2 Lite. O modelo tem as seguintes especificações:

  • Tela de 5,84 polegadas com resolução full HD e notch (pois é);
  • Processador octa-core Snapdragon 625 de 2 GHz;
  • 3 ou 4 GB de RAM;
  • 32 ou 64 GB de armazenamento;
  • Câmeras traseiras de 5 e 12 megapixels;
  • Câmera frontal de 5 megapixels;
  • Bateria de 4.000 mAh;
  • Bluetooth 4.2, Wi-Fi 802.11n e micro-USB.

Considerando as especificações, o Xiaomi Mi A2 deve atrair usuários que buscam mais desempenho e câmeras melhoradas. Mas, além dos preços mais baixos, o Mi A2 Lite deve ter como grande vantagem a autonomia: a combinação do Snapdragon 625 com a bateria de 4.000 mAh sugere que o smartphone pode ficar mais tempo longe da tomada.

Preços e disponibilidade

Os preços sugeridos pela Xiaomi são os seguintes:

  • Mi A2 com 4 GB de RAM e 32 GB de armazenamento: € 249;
  • Mi A2 com 4 GB de RAM e 64 GB de armazenamento: € 279;
  • Mi A2 com 6 GB de RAM e 128 GB de armazenamento: € 349;
  • Mi A2 Lite com 3 GB de RAM e 32 GB de armazenamento: € 179;
  • Mi A2 Lite com 4 GB de RAM e 64 GB de armazenamento: € 229.

As vendas dos dois modelos estão previstas para agosto, começando pela Espanha e chegando a outros 40 mercados, progressivamente. O Brasil, obviamente, não estará entre eles.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Finn
Desculpa desenterrar o comentário depois de tanto tempo, mas tive uma dúvida que foi engatilhada pelo seu comentário. O suporte da Google tende a ser melhor que o da Xiaomi, não? Primeiro pq as atualizações e patchs de segurança sempre sairão primeiro no Android One que no resto dos celulares com UI, e segundo que o suporte da Google até supera a média do suporte das
Cassiano Galli
Alguém ja usou ele no 4g da vivo?
Hugo Piovesan
Muito provavelmente o hardware é exatamente o mesmo, assim como foi no 5X e A1
Hugo Piovesan
Pensei o mesmo também.
lordkelvinx
To com uma dúvida desde o lançamento: trocar meu S7 (flat), com 2 anos de uso no Mi A2 128GB? Os 32GB no S7 já não estão dando pra mim, isso pq a mais de um ano uso um MicroSD com 32GB, mas é aquela história: apps só na interna! Vou perder um processador MUITO bom, ficar com um 660 que tem "basicamente" o mesmo desempenho do 8890 (menos processamento gráfico que não chega perto mesmo), perder a resistência a água (que uso as vezes), uma câmera traseira MUITO BOA... To bem perdido na verdade... Qualquer aparelho com memória cheia se torna lento e gastão em bateria, e é o que vivencio hoje.O que uso mais: memória, redes sociais, apps gerais, fotografias. Não filmo muito, portanto OIS não deve ser tão faltante pra mim...
Gabriel Barrado
Atualizou, o meu passou pra 8.1 semana passada. Se estagnar com 2 anos, vai ate o Android 9, depois disso penso se vale a pena passar pro Lineage...
Viniuau_
Só flashear depois, aproveita e faz root também.
Osmani Lourenço
review do mi a2 lite
Fábio Carneiro
Mi A2L é o Mi A1 com notch e micro USB. Ele deveria ter um Snapdragon 630, câmeras melhores e o Mi A2 virava o A2 Plus...Mas dane-se, é a Xiaomi, não vai aposentar o meu Mi A1 de qualquer jeito.
Daniel Marcos Lopes
Desculpa eu errei é o 636 que e suportado .www.qualcomm.com/productos/...
Mauricio
Depois do redmi note 4x, acho que a única evolução nos intermediários foi com o lançamento note 5. Redmi 5 plus, redmi 6 e suas variantes, redmi s2 e esse a2 lite são basicamente o note 4x com carcaça e android mais novo.
Mauricio
Queria algo mais compacto, também. Mas pelo jeito esse barco já partiu. Só coisa gigante, rsrs.
Crock, o Dillo
Sério? E onde consigo um "hacker-engenheiro" pra reabilitar?
Ed. Blake
A Xiaomi renova todas as linhas a cada semestre.Eu também acho muito surreal mas é a política deles.Além do mais, antes de comprar qualquer aparelho eu checo o XDA.Jamais dependerei de software de fabricante.
Daniel Marcos Lopes
So que para funções bancárias , como pagamento via NFC nas maquininhas o qr-code não funciona. Além disso a placa da Qualcoom já vem com NFC eles que desabilitam .
Jorge Bevilacqua
Pensei a mesma coisa!
Eduardo
Mais aí é na versão lite, a principal é o 660
@Sckillfer
Custava colocar 4Ah no A2 (e 6X) tb?
Fábio Prates Rocha
Entendi.
lordkelvinx
Nem me fale! Nexus sempre foi péssimo nisso né...Além das câmeras não muito boas também, mas a experiência era incrível! Mas sem P1, vou pensar muito.
lordkelvinx
A Qualcoom deve ter produzido tanto dele que ta vendendo a preço de banana para as empresas usarem...
Tori
Snapdragon 625 novamente. https://uploads.disquscdn.c...
Mauricio
Achei bem desnecessário essa versão lite, também. Como disse o colega acima, era melhor prolongar a vida do mi a1 2017. Mas, a xiaomi deve ter suas razões ($$$$).
Ed. Blake
Gostei muito deste A2 lite, mesmo com testinha no display, especialmente pelo tamanho. É o tipo de intermediário que eu sinto falta: display grande num corpo ergonômico para usar com apenas uma mão.Caso fosse um SoC mais novo eu arriscaria trocar meu Redmi Note 4 por ele.O SD625 é um excelente SoC (é o que tenho atualmente) tanto em performance quanto em autonomia (ainda mais numa bateria de 4100mAh) mas a Qualcomm tem um histórico de dropar o suporte de SoCs intermediários após alguns anos. O prazo do 625 já tá pela tampa da beirada.
Alessandro
Esperei tanto pelo suporte oficial da LineageOS, mas agora tô com preguiça de ter de apagar tudo, e sim, já está no 8.1, e com a Gcam não tô com pressa
Mauricio
Gostava bastante do meu nexus, mas a bateria era sofrível.
Mauricio
Eu também, mas sem p2 e essa bateria meia boca, vou partir pra MIUI, mesmo.
Daniel Meurer
Antigo mas extremamente funcional. Todas as compras, de lojas a restaurantes, todos os pagamentos são feitos com QR Code. Além de ser o padrão, todo mundo usa.
Anayran Pinheiro
China usa mais qr code que NFC, por isso é comum encontrar somente nos flagships
Anayran Pinheiro
Mas funciona melhor e mais rápido que NFC, convenhamos...
lordkelvinx
Ah! Mas queria um Android puro, como os antigos Nexus, simples e acessível! Até gosto bastante da MiUi, mas prefiro o android puro em sua concepção.
pedrowillyam
A mais pura verdade. Esse Mi A2 vai ter atualizações apenas por 2 anos como é obrigatório pelo Google enquanto o Mi 6X vai ter atualizações da MIUI por uns 4 anos.
Nathan
Só queria a bateria de 4000mAh no A2 normal, seria compra certa
Fábio Prates Rocha
Me tirem uma dúvida... implementar a tecnologia NFC em um smartphone custa muito caro?O aparelho é top, mas não traz a experiência completa do Google (Google Pay). Já uso faz meses no Mi Note 3.
Highlander
Puts, que troço antigo isso de qr-code!
Louis
Se é Android One, é claro que o suporte vai continuar, mas, o Google só garante por 2 anos.Se vc quer suporte, compre um Xiaomi com MiUi.
🧙‍♂️ Mago Erudito® ᴾᴿᴱᴹᴵᵁᴹ
E o A1 tem notch por acaso?Não, então pra indústria já consideram uma grande evolução. :D
tuts
Lá na China o que faz mais sucesso são os qr-codes, o que faz sentido, já que todo smartphone já conta com uma câmera, adaptar as maquininhas com qr-codes é mais interessante do que imbutir mais um sensor só pra isso e conectar bluetooth no smartphone.
Yuri Barbosa
Neste caso o mia2 lite é baseado no redmi 6 e mia2 baseado no mi6x. Não duvido nada serem o mesmo hardware apenas mudando o sistema. Tal como foi do mi5x pro mia1.
Jonas
Sim. Como eu desisti e fui pra custom ROM, nem acompanhei mais. Kkk
tuts
Já voltou, pra todo mundo, no patch de julho
Trovalds
Gearbest já tem pra vender o A2 a partir de R$ 1.000 e uns trocados. Tem todas as versões. E você ganha a Mi Band 3 de brinde.Lembrando que nesse preço não estão incluídos os devidos em impostos.
Jonas
Deu certo então? Kk Três vezes.
Maico Andrade
Ja reativaram o update.
Jonas
E no mesmo dia parou. Eu até fui pra Lineage por causa disso.
tuts
8.1, lançou em julho
tuts
Eu tô falando estender o suporte e continuar vendendo, como a Apple faz, ela continua vendendo e atualizando os smartphones anteriores, se tu cria um vínculo com o cliente, ele ficou com aquele dispositivo enquanto quis e trocou porque quis, ele provavelmente vai comprar outro da mesma empresa, até porque tá muito acostumado, a qualidade, saber que vai ter atualização não só por 2 anos, mas por mais que isso, essa seria a maior feature no mundo android, nenhuma outra empresa oferece isso, nenhuma mesmo.
Jonas
Ele está no Oreo 8.0.
Mauricio
Qual atualização? Ele já está no Oreo, ué.
Jonas
A atualização foi adiada por bugs.
Alessandro
Mas está, o mia1 recebeu atualização recentemente
Alessandro
Ainda sem Nfc? Agora que a tecnologia da andando
tuts
Ao invés de continuar atualizando e comercializando o mi A1, o que seria uma ótima surpresa, ela prefere criar outro smartphone igual, colocar o nome A2 lite e abandonar o smartphone anterior, depois perguntam porque só a Apple concentra o lucro em smartphones, essas empresas só pensam no agora.
Mauricio
Partiu redmi note 5, rsrs.
lordkelvinx
E lá se foi minha P2 no que era meu próximo aparelho...