Início » Legislação » Pensilvânia quer que Twitter entregue nome de usuários

Pensilvânia quer que Twitter entregue nome de usuários

Por
9 anos atrás

A Procuradoria Geral do estado norte-americano da Pensilvânia quer que o Twitter revele os dados de dois de seus usuários que estão sendo “procurados” depois de tecer críticas ao Procurador Geral do estado, Tom Corbett, no site de microblog.

No último dia 6 de maio o serviço foi intimado a revelar todos os dados relativos às contas @CasablancaPA e @BFBarbie, o que despertou a atenção de grupos de defesa da liberdade de civis no país. “O discurso anônimo é um dos mais antigos direitos norte-americanos”, afirmou Paul Alan Levy, presidente do Public Citizen Litigation Group, organização que defende a liberdade de expressão nos EUA. Já a organização A.C.L.U. (American Civil Liberties Union) teme que os críticos se tornem “perseguidos políticos” caso sua identidade seja revelada.

O conselheiro Legal do Twitter, Timothy Yip, afirmou que a empresa não está preocupada com a intimação: “nós sempre protegemos a identidade de nossos usuários, com exceção a raras situações”, afirmou.

A medida ainda gerou alguns protestos dos navegantes do estado, que começaram a postar frases contra o Procurador Geral. Em sua defesa, Corbett, que também tem tido amplo destaque na mídia local por ser pivô de um caso de corrupção, afirmou que “quando se é Procurador Geral e se quer fazer as coisas certas, é normal deixar as pessoas descontentes”. [NYT]

Mais sobre: , ,