Início » Segurança Software » Facebook impede centenas de milhares de apps de acessarem dados de usuários

Facebook impede centenas de milhares de apps de acessarem dados de usuários

Por
01/08/2018 às 19h41
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

A partir de hoje (1) o Facebook removerá centenas de milhares de aplicativos inativos, mas que continuam com privilégios para acessar dados dos usuários da rede social. O objetivo é de renovar os contratos e forçar mudanças do lado dos desenvolvedores para que encaixem nas novas regras de privacidade.

Tudo aconteceu pouco depois do escândalo do Cambridge Analytica, quando um desenvolvedor conseguiu acesso aos dados de milhares de usuários e vendeu as informações para outra empresa.

Depois do ocorrido o Facebook mudou muitas regras e focou em mais segurança dentro sua política de privacidade, com o objetivo de eliminar o acesso da plataforma de desenvolvedores que não tiveram seus apps aprovados após revisão – a data limite para que o aplicativo fosse enviado para análise e o novo contrato aceito terminou hoje.

Facebook

“Nós incentivamos os aplicativos que ainda estão sendo utilizados, mas que não foram enviados para revisão, a fazer isso agora. No entanto, para garantir que todos os apps atualmente em uso passem por nosso processo de revisão, estaremos proativamente enfileirando apps para a análise”, comentou Ime Archibong, vice-presidente da empresa para produto e parcerias.

“Onde precisamos de mais informações, desenvolvedores terão um tempo limitado para responder. Se nós não recebermos a resposta no tempo previsto, removeremos o acesso do app às APIs que exigem esta aprovação”, completa o executivo.

Para os apps que ainda estão em processo de revisão, o acesso ao banco de dados do Facebook não será removido – desde que ele respeite as novas políticas em prática por Mark Zuckerberg.

Com informações: The Verge.