Início » Negócios » Fabricante de chips do iPhone é infectada por malware e pausa produção

Fabricante de chips do iPhone é infectada por malware e pausa produção

Apple é a maior cliente da TSMC, respondendo por 21% de sua receita

Felipe Ventura Por

A Apple projeta diversos chips de seus dispositivos, como o processador de iPhones e iPads, e usa a TSMC (Taiwan Semiconductor Manufacturing Company) como parceira exclusiva para fabricá-los. Ela é a maior empresa de Taiwan, e sofreu um enorme ataque de malware na última sexta-feira (3).

A TSMC diz à Bloomberg que um fornecedor instalou software infectado em seus sistemas sem escaneá-lo antes. Então, uma variante do ransomware WannaCry — que afetou empresas em todo o mundo no ano passado — se espalhou assim que teve acesso à rede de computadores.

Segundo a fabricante, 80% das linhas de produção afetadas pelo malware já voltaram a funcionar normalmente. Isso deve chegar a 100% ainda nesta segunda-feira (6). No entanto, ela diz que o incidente pode atrasar suas remessas, sem especificar quais clientes serão afetados.

Analistas dizem à Bloomberg que provavelmente todas as fábricas da TSMC para wafers de 12 polegadas foram infectadas. Elas produzem chips para a Apple, maior cliente da empresa, que responde por mais de 21% de sua receita.

Esta falha de TI saiu caro. A fabricante estima que a receita do terceiro trimestre será reduzida em cerca de 3% devido ao incidente, chegando a US$ 8,45 bilhões.

"A TSMC já foi atacada por vírus antes, mas esta é a primeira vez que um vírus afeta nossas linhas de produção", diz a diretora financeira Lora Ho à Bloomberg. Ela complementa que a empresa "tomou medidas para fechar essa brecha e reforçar ainda mais as medidas de segurança".

Segundo a TSMC, nenhuma informação confidencial foi comprometida no ataque, e a maioria dos clientes já foi notificada.

Rumores dizem que a Apple prepara três novos iPhones para o terceiro trimestre, todos com o visual do iPhone X, e eles já vêm sendo fabricados. Ela também estaria planejando novos modelos do iPad e do Apple Watch, que costumam usar chips produzidos pela TSMC.

Com informações: Bloomberg, (2). Atualizado às 16h43.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Caleb Enyawbruce

É cara, ai fica complicado. Com uma falha dessas nem isolamento resolve.

Thiago dos Santos Nunes

Mas eu respondi a partir da premissa externo é diferente de internet mesmo. E-mail não necessariamente precisa de acesso externo, ainda mais em grandes corporações com servidores de e-mails internos tipo um Exchange da vida com camadas de federação. Bem, pendrive é um problema, até a NSA recentemente teve problemas com isso então não duvido disso (mesmo com as possíveis regras de bloqueio aplicadas para todos e etc). Enfim, o que eu sei é que deu ruim e parece que foi via cagada mesmo (o artigo no site deles fala de "This virus outbreak occurred due to misoperation during the software installation process for a new tool, which caused a virus to spread once the tool was connected to the Company’s computer network.") .

O que vi pelo que li é o seguinte:

Colocaram em uma máquina uma ferramenta com vírus que espalhou na rede toda interna igual fogo no mato porque o serviço de updates dos caras era uma bosta (aquela ideia maldita de que não tem acesso externo, não precisa atualizar). Tudo windows 7 sem update atualizado. Agora estão "atualizando todas as máquinas".

Caleb Enyawbruce

Eu usei a expressão “acesso externo” justamente pra englobar todo tipo de acesso externo, não apenas Internet. E não entendi pq usou e-mail como exemplo se sem acesso externo não existe e-mail. Quanto a dispositivos de armazenamento, já tem um bom tempo que é normal empresas bloquearem (até pra evitar vazamento de dados).

Thiago dos Santos Nunes

Não necessariamente o fato de estar isolado garante não infecção. Até porque tem muitos malwares que infectam via lan interna sem necessidade de acesso externo. Um e-mail ou pendrive ou pc infectado e já era, e pode ser até que usem powershell ou javascript para fazer a "infecção" o que torna mais difícil de detectar.

Caleb Enyawbruce

por que não deixar o parque produtivo isolado de acessos externos?