Início » Telecom » Anatel antecipa bloqueio por IMEI de celulares piratas no Espírito Santo

Anatel antecipa bloqueio por IMEI de celulares piratas no Espírito Santo

Bloqueio é antecipado no Rio de Janeiro e Espírito Santo "por motivo de segurança pública"

Por
07/08/2018 às 18h22
Já conhece a nova extensão do Tecnoblog? Baixe Agora

A Anatel mudou mais uma vez seu cronograma para bloquear celulares piratas no Brasil. Sabíamos que o Rio de Janeiro seria contemplado antes do previsto. Agora, é a vez do Espírito Santo: ambos os estados vão barrar aparelhos sem IMEI válido a partir de dezembro. Isso estava previsto originalmente para 2019.

Segundo a Anatel, o bloqueio foi antecipado nos dois estados “por motivo de segurança pública”, a pedido do Gabinete de Intervenção Federal do RJ. A agência diz que o objetivo é reduzir a criminalidade e diminuir o uso de celulares piratas.

pirataria

Os aparelhos irregulares no RJ e ES receberão mensagens de aviso a partir de 23 de setembro. O SMS deve dizer: “[Operadora] avisa: Este celular IMEI XXXXXXXXXXXXXXX é irregular e deixará de funcionar nas redes celulares. Acesse www.anatel.gov.br/celularlegal ou ligue [número da operadora]”.

O bloqueio, por sua vez, só ocorre a partir de 8 de dezembro. O celular deixa de funcionar em qualquer operadora no Brasil, não podendo realizar ligações nem se conectar à internet móvel (só Wi-Fi).

Isso já está valendo desde maio no Distrito Federal e em Goiás, onde a Anatel barrou o IMEI de 140 mil celulares piratas.

Celulares importados não são afetados

Como sempre, lembramos que celulares comprados no exterior — de marcas como Xiaomi, OnePlus e Huawei — continuarão funcionando no Brasil. Eles estão registrados no IMEI DB, base de dados global que serve como critério para a Anatel. Não é necessário que o aparelho seja homologado pela agência.

Para conferir se seu IMEI é legítimo, visite o site do projeto Celular Legal. O código está na caixa do aparelho, e pode ser acessado ao digitar *#06# no app de telefone.

Este é o cronograma atualizado da Anatel:

    • Acre, Espírito Santo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rondônia, Santa Catarina e Tocantins: alertas a partir de 23 de setembro de 2018, e bloqueio a partir de 8 de dezembro de 2018;
    • Toda a região Nordeste, Amapá, Amazonas, Minas Gerais, Pará, Roraima e São Paulo: alertas a partir de 7 de janeiro de 2019, e bloqueio a partir de 24 de março de 2019.
Mais sobre: