O Android 9 Pie acabou de chegar para todo mundo que tem um Pixel, o que não é surpresa alguma. O que chama atenção é que com esta atualização, o Google parece estar caminhando para resolver a bagunça que é o update do Android, desde sempre.

Arrumando a bagunça

O Essential Phone é o primeiro aparelho que não tem ligação com o Google e que recebeu uma atualização no dia em que os produtos do próprio gigante das buscas receberam. Isso nunca aconteceu antes e tem ligação com mudanças que começaram lá no Android 8 – que tem um ano de vida e ainda está apenas em 12,1% de todos os Androids do mundo.

Android Pie

Este problema pode parecer pequeno, mas ter uma gama tão grande de dispositivos com software obsoleto é o que os hackers precisam para ter facilidade na hora do ataque. Algumas fabricantes levam quase um ano para entregar o update para seus aparelhos e, como bem sabemos, a regra é que quanto mais barato é o smartphone, menos atualizações ele terá – muitos sequer recebem um update.

No Android 8, lançado no ano passado, o Google criou uma solução para tentar reverter este quadro bastante negativo: Projeto Treble. Ele separa o sistema operacional do hardware de certa forma que facilita a atualização. Com isso, os fabricantes precisam trabalhar menos no novo Android e, em teoria, podem levar a novidade para seus dispositivos com maior rapidez.

Deu certo e o Essential Phone venceu a corrida do Android 9, sendo o único não-Google a receber a atualização antes de todo mundo. Claro que criar um smartphone com o Android puro ajuda bastante na hora de atualizar o SO, já que há menos trabalho para adaptar toda a parafernalha para a nova versão – skins, temas, drivers e tudo mais.

É uma pena que o Essential Phone não é vendido de forma oficial no Brasil, pois seria certamente a melhor escolha para quem saiu do iPhone e ficou acostumado com atualizações liberadas para quase que todos os dispositivos ao mesmo tempo.

Com informações: Ars Technica e Essential.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Fábio Moser

Sim, mas não temos nenhum Android One no Brasil. :-(

Celso

A atual proposta do programa Android One, até certo ponto, já atinge esse objetivo, já que o software embarcado nos aparelhos que dele fazem parte é desenvolvido e adaptado pela própria Google.

Celso

O que complica é o fato do Android ser Open Source, e o fato da Google ter firmado um consórcio com 84 empresas ligadas a tecnologia que previu toda essa liberdade.

Rafael Moreira

Cara só vejo dois bons substitutos de Nexus. Que seria o Oneplus ou iPhone.

John Smith

Acho que hoje o mais próximo de um Android puro por aqui são os Motorola. A pouca customização que eles possuem considero bem vinda, pois os gestos, por ex., são muito úteis.

Helio H.

Exatamente!! Não temos opção nenhuma. O último que chegou foi o Nexus 5 em 2013.... Nem sequer o Xiaomi Mi A1 deu as caras oficialmente.

Meu Nexus 5x (importado) sofreu do famoso hardbrick semana passada, e simplesmente não existe uma assistência capaz de consertar.

Estou usando smartphones Android puro desdd o Nexus 4, e agora estou sem ideia alguma de qual modelo buscar.

1) Não pego mais importados, porque sem garantia é arriscado

2) LG nunca mais depois do fracasso de engenharia que foi o 5x

Alguém me dá uma ideia de algum smartphone atual que se assemelhe? Tem que ser mid-range, não tenho $ para um smartphone top.

Fábio Moser

Com certeza, inclusive em mercados como o Brasil.

Juninho

acredito que um aparelho básico projetado pelo google com o software limpo deles venderiam bastante, claro com um preço competitivo para um mercado como nosso

Juninho

eu acho que isso vária de usuário para usuário, pra quem só usa o celular pra trocar mensagens ver uns videos no Youtube, um aparelho de baixo desempenho é o suficiente, minha mãe e minha irmã faz isso é quase nem tira fotos, meu pai também é desse tipo de usuário, não é impossível um aparelho com 2gb de ram que acredito que seja o básico hoje em dia não roda um android mais atualizado

Samir

Eu achando que ia ler uma matéria falando de forma geral das fabricantes, mas de um celular que a (grande) minoria tem nem valeu a pena. Sei que as coisas vão andando mesmo que devagar, mas na teoria tudo é lindo, na prática isso (provavelmente) nem vai acontecer.

Claudius

Só vendo pra crê.

Gabriel Naldis

Que merda, hein?

Fred

Eu até ia dar um upvote, mas você está (neste momento), com exatamente 15 upvotes e não quis estragar o número. hehehe

Meninão Bobo

É "Essential Phone" receber a atualização

Fábio Moser

Já houve rumores de que o Google lançaria um Pixel mais acessível. Pelo jeito foram só rumores mesmo. :-(

Exibir mais comentários