Início » Telecomunicações » TIM e Claro compartilham frequência em 700 cidades

TIM e Claro compartilham frequência em 700 cidades

TIM quer expandir compartilhamento com mais operadoras e está em negociações com a Vivo

Felipe Ventura Por

A TIM está bastante interessada em compartilhar frequências com outras operadoras. Ela ampliou um acordo com a Oi recentemente e, nesta sexta-feira (10), anunciou parceria com a Claro em 731 municípios.

Essas cidades só eram atendidas ou pela TIM, ou pela Claro. (A lista completa está no fim do post.) Graças ao compartilhamento do 3G, clientes de uma operadora poderão fazer roaming na outra. A medida vale para mais de 116 milhões de usuários, "seguindo a mecânica do plano já contratado".

Antena de celular

Em comunicado, a Claro diz que milhares de municípios com menos de 30 mil habitantes são atendidos apenas por uma operadora. A Anatel obrigou cada empresa que arrematou o espectro 3G a fornecer serviço em algumas centenas de cidades, cobrindo assim todo o país.

Recentemente, a agência convocou as operadoras para estimular acordos de roaming nessas áreas. Dessa forma, visitantes de outras cidades não precisariam trocar de chip para se manterem conectados, por exemplo.

A Anatel queria parcerias voluntárias para resolver esse problema, mas cogitava transformar o roaming em obrigação. A Claro diz que seu acordo com a TIM "demonstra que é possível soluções de mercado, sem a necessidade de constante intervenção da agência reguladora".

A TIM quer expandir o compartilhamento com mais operadoras, e está em negociações com a Vivo. Stefano de Angelis, que deixou o cargo de CEO no mês passado, acredita que não há sentido gastar em mais infraestrutura se for possível dividi-la.

Além disso, TIM e Oi ampliaram seu acordo de compartilhamento de 4G. Elas vêm dividindo suas faixas de frequência tanto em 1,8 GHz quanto em 2,5 GHz.

Com informações: Teletime. Atualizado em 13/08.

Municípios em que TIM e Claro compartilham frequência 3G:

Mais sobre: ,