Início » Aplicativos e Software » Tweetbot e Twitterrific perdem recursos após mudanças no Twitter

Tweetbot e Twitterrific perdem recursos após mudanças no Twitter

Com a mudança de APIs, até mesmo a atualização automática da timeline deixa de existir

André FogaçaPor

Uma mudança recente nas regras do Twitter mudou a forma como o microblog utiliza suas APIs e dificultou o trabalho de clientes famosos como Tweetbot e Twitterrific. Hoje (16) a rede social confirmou que apps terceiros podem perder funções importantes e que fazem sentido para estes apps.

Ao todo foram três APIs que não funcionam mais: Site Streams, User Streams e REST Direct Message Endpoints. O suficiente para atrapalhar a vida de alguns desenvolvedores que criam soluções terceiras para acessar recursos do Twitter, sem o uso do site ou app oficial. O curioso é que o Twitter alega que das três, duas APIs foram removidas por um simples motivo: quase ninguém utilizava, beirando mais ou menos 1% de toda a rede.

Foto via Pixabay

Rob Johnson, diretor de produto no Twitter, deixa claro no blog oficial da empresa que não era comercialmente viável manter desenvolvedores trabalhando em soluções que afetam uma parcela pequena dos usuários – bem pequena.

Algumas das mudanças, segundo Johnson, podem fazer com que a atualização automática da linha do tempo de sua conta não funcione mais – obrigando ao usuário puxar a timeline para baixo para atualizar o conteúdo e receber novos tweets.

É exatamente o que pode acontecer com o Tweetbot, que não terá mais atualização automática via Wi-Fi e nem mesmo notificações em push para likes, novos seguidores e até mesmo o app que roda no Apple Watch pode receber novidades apenas de tempos em tempos – mais ou menos a cada um ou dois minutos.

Mesmo com bastante confusão, o Twitter afirma em sua publicação oficial que continua próximo aos desenvolvedores e que a API REST Direct Message foi dividida em duas outras com mais recursos, com suporte para resposta rápida e webhooks.

A questão é que dentro do espaço entre a mudança de API e a atualização do app para as novas ferramentas, alguns clientes perderão boa parte das funcionalidades e os que mais sofrerão são aqueles que ganham dinheiro com isso – como o app pago Tweetbot.

Com informações: The Next Web, CNET e Twitter

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Ed. Blake

Você claramente nunca usou um app de terceiros como o Flamingo no Android.

David Marquardt

Quem usa o Twitter de modo mais intenso é quem sente. Só aliena a base mais fiel do site. 200 mil tweets e 10 anos porém ainda não consigo engolir o cliente deles. O Tweetbot sempre foi melhor e uma das coisas que me manteve no iOS. Só consigo lamentar.

leoleonardo85

Pra mim tá de boa usar o App do Twitter no celular e o Tweetdeck no Desktop me atende bem

S Y N T H W A V E + L O V E R

Não tão lá, não. E o app oficial é um lixo.

Seraph

Clientes eu me referia a outros apps derivados

Gertrudes, a Lhama

Clientes do Twitter são os anunciantes... Estão querendo forçar o uso do app oficial justamente em prol dos clientes.

Os usuários são o produto.

Ed. Blake

Quem está reclamando não são os desenvolvedores e sim os usuários.

O pessoal do Twitter devia mesmo era observar: Eu capei trocentas funcionalidades da rede para aplicações de terceiros e ainda assim as pessoas preferem usar estes apps em detrimento do oficial.

Uma vez observado isso, só existiam duas conclusões:

- Repetir o sucesso do passado e aprender com os acertos destes terceiros para melhorar seu próprio serviço

- Proibir seus usuários de ter uma experiência decente na sua própria plataforma limando quem a faz ser atrativa do que você consegue fazer.

Basicamente só faltava pensar em uma maneira de veicular sua própria publicidade dentro dos apps de terceriros e pronto: win/win.

Ed. Blake

O problema, tecnicamente, é que os apps de terceiros não exibem a publicidade paga ao Twitter pelos clientes (os anunciantes) como o app oficial faz.

Ed. Blake

O pronunciamento oficial chega a ser cômico (pra quem não é desenvolvedor).

Começa elogiando e agradecendo aos desenvolvedores por terem criado excelentes soluções para o twitter (várias delas foram integradas nos apps de iOS/Android e na versão Web) e como eles contribuíram para o desenvolvimento da plataforma.

Termina dizendo basicamente: "So long suckers and thanks for all the fish free stuff."

Ainda assim vou manter a resistência viva e continuar usando o Flamingo.
É passagem só de ida e não tem a mínima chande de usar o app oficial depois de ter a experiência twitter que o Flamingo proporciona.

Paul

Não vejo problemas nenhum no site. Aliás, será que é muito usado pelo site? Queria saber a %.

Arlys Souza

Tanto o site quanto o app oficial do Twitter são péssimos. Não dá pra entender como uma empresa deixa que terceiros forneçam experiência de uso melhor que ela mesma...

Seraph

Twitter podia seguir o telegram e dar suporte melhor pra clientes