Início » Gadgets » Amazon deixa de vender Kindle Voyage nos EUA

Amazon deixa de vender Kindle Voyage nos EUA

O modelo removido tem preço e recursos muito semelhantes ao Oasis

André Fogaça Por

A Amazon removeu o Kindle Voyage da lista de dispositivos disponíveis para compra nos Estados Unidos. Apesar da saída do varejo online, o leitor de e-books continua disponível em revendedores parceiros, ou então na própria Amazon em versão remanufaturada.

 

O Kindle Voyage, lançado em 2014, é a versão um degrau abaixo do suprassumo da empresa: o Oasis e seu corpo em metal, com tela grande e certificação IPX8 que permite ser utilizado até mesmo durante o banho. O modelo mais simples tira tudo isso, mantém a tela de alta resolução (300 ppi) e que é sensível ao toque, iluminação automática do display para ambientes mais escuros e bateria duradoura.

Este modelo não é mais listado na Amazon americana, ficando a lista de três variantes possíveis do gadget: o mais simples, barato e que não tem sufixo para ser chamado, o Paperwhite que quase dobra a resolução e adiciona iluminação de tela, para depois chegar no Oasis. No Brasil este leitor ainda é comercializado e tem preço R$ 250 menor do que o mais caro de todos – a lista é de R$ 299 para o Kindle, R$ 479 para o Paperwhite, R$ 899 para o Voyage e, por fim, R$ 1.149 para o Oasis.

Ainda existe no Brasil, por enquanto

A Amazon dos Estados Unidos afirmou para a imprensa americana que não tem mais estoque do produto, sem dar motivos para isso e nem mesmo prever o retorno do modelo. O Tecnoblog entrou em contato com a Amazon, aqui no Brasil e recebemos a seguinte resposta:

“A resposta de clientes ao Kindle Voyage tem sido muito positiva e estamos sem estoque do produto nos Estados Unidos. O inventário e a disponibilidade de produtos varia por região”.

Kindle Paperwhite (esquerda) e Voyage (direita)

O mundo dos rumores pode apontar para uma nova versão do Voyage, ou então a fusão entre ele e o Paperwhite, já que ambos são semelhantes em recursos. A diferença entre ambos fica na iluminação mais intensa e 37 gramas mais leve para Voyage – além do preço, que faz o modelo mais caro custar quase que o dobro.

Com informações: TechCrunch e The Verge.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Adriano Garcez

Sou muito feliz com o Kindle PW, e só troco quando fizerem uma versão de 7" dele.
Nunca entendi o apelo do Voyage, e o Oasis só vale a pena pelo tamanho da tela (ou se você lê na banheira ou piscina, o que não é o meu caso).

Vinícius Jorge

Sim, falo de mangá... leio alguns no Paperwhite e rola muito bem

Marco Pacheco

Perfeita a tua sugestão mas, no meu caso, não tenho interesse em gastar dinheiro se o que tenho me atende bem.

G.G.P.O

Amazon deixa de vender o Voyage e vai passar a vender o Kindle Gol, em breve.
:-|

Pedro Cavalieri

Amigo, pode confiar que não compensa pegar o básico, a falta de iluminação no dia a dia se mostra um incômodo imenso, mesmo que você só leia em ambientes iluminados - a complementação da iluminação própria contribui para diminuir MUITO o cansaço da vista.

Vitor Luis

Não precisa se "desfazer" de um aparelho funcional!
Coloque ele a venda no marketplace do ML ou FB, e use a grana como "desconto" no seu novo Kindle! Assim você dá a chance de uma outra pessoa começar no mundo da leitura digital pagando menos, e você faz o upgrade do seu aparelho.

Victor Serrão

Cara, não faria isso. O Paperwhite é mais versátil, você consegue ler no quarto escuro sem incomodar quem porventura estiver do seu lado dormindo. Além disso mesmo à luz do dia o brilho ajuda em várias situações.

Leonardo Caldas

Ler quadrinhos em um Kindle desse tamanho (a não ser que se esteja considerando manga) é torturante.

Bons mesmos eram os tempos do Kindle DX, com tela de 9 polegadas.

Vinícius Jorge

Se for ler quadrinhos a resolução deve fazer a diferença... tenho o Paperwhite e me atende super bem... nunca testei com o Kindle básico

Vinícius Jorge

Se for ler quadrinhos a resolução deve fazer a diferença... tenho o Paperwhite é me atende super bem

Pedro Cavalieri

André, vai rolar algum review dos "novos" Lev Neo/Lev Fit?

Matheus Alexandre

Pra mim que não leio fora da casa o Kindle básico sem iluminação embutida é excelente!

Com relação à resolução de tela do Kindle básico dá pra perceber a diferença entre ele e o modelo paperwhite, mas se o leitor quer apenas ler livros isso não será nem de longe um problema.

Marco Pacheco

Meu Kindle é de 2012 e me atende muito bem. Nunca troquei pq tenho pena de me desfazer de aparelho plenamente funcional.

Ou seja, a resolução plenamente te satisfatória desde sempre. Nunca tive experiência de leitura em outros modelos mais recentes, mas acredito que o modelo básico não vai decepcionar para a utilização mencionada. Não dá cansaço visual, pode ler sob sol forte...

Al

A iluminação do Paperwhite ajuda até no contraste em ambientes razoavelmente iluminados. Quanto à resolução não percebi uma diferença que fosse decisória para compra.

Marco Pacheco

Meu Kindle é de 2012. Tenho vontade de comprar o paperwhite desde o lançamento, mas fico com dó de me desfazer do Kindle atual pois funciona perfeitamente bem. O inconveniente é ter que usar luz de leitura para ler na cama à noite.

Exibir mais comentários