Início » Telecomunicações » Nextel ativa rede 4G na Baixada Santista

Nextel ativa rede 4G na Baixada Santista

Santos, São Vicente, Praia Grande e Guarujá são as novas cidades com cobertura 4G da Nextel. Campinas e São José dos Campos já possuem cobertura parcial

Lucas Braga Por

Aos poucos, a Nextel expande sua rede própria: a operadora anunciou a ativação do 4G em quatro cidades da Baixada Santista, no interior de São Paulo. Quem está em Santos, São Vicente, Praia Grande e Guarujá poderá aproveitar uma conexão com melhores velocidades.

O 4G nessas cidades foi possível por conta da redistribuição da frequência de 2.100 MHz, utilizada pela operadora para oferecer serviços em 3G. A Nextel possui 10 MHz de espectro, e afirmou ao Tecnoblog que destinou metade para a rede de quarta geração.

Para utilizar o 4G da Nextel nessas cidades, é necessário possuir um dispositivo compatível com a banda 1. Boa parte dos celulares atualmente vendidos no Brasil suportam a frequência; no entanto, modelos importados, mais básicos ou antigos podem ficar de fora.

De acordo com a Nextel, 66% das linhas habilitadas no DDD 13 contam com aparelhos compatíveis com a tecnologia; os demais ficarão na rede 3G.

Para Estevam Araújo, diretor-executivo de engenharia, o 4G contribuirá para que “o cliente que utiliza nossa rede na Baixada Santista perceba a Nextel como a operadora que facilita sua vida e oferece o melhor custo-benefício”.

A operadora também iniciou a redistribuição de suas frequências nas regiões dos DDDs 12 e 19. Até o momento, 52 antenas localizadas em regiões centrais de Campinas e São José dos Campos já estão funcionando com 4G LTE, e a conversão dos demais equipamentos será concluída em 2019.

Atualmente, a Nextel só possui rede própria no Rio de Janeiro e São Paulo, com 4G em 40 municípios. Nos demais estados e cidades que a rede própria não atinge, os clientes não ficam sem comunicação graças a um acordo com a Vivo, que permite roaming nas tecnologias 2G e 3G.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Fred

Caramba, só agora, e apenas em 2,1GHz.... Por isso que não tem share de mercado.

Yago G. Oliveira

A Nextel poderia era dar o ar da graça na sua atuação como operadora. Até hoje você seleciona alguns estados (Piauí, por exemplo) e nem os planos aparece.

evefavretto

B1 e B5 precisam manter WCDMA, não tem jeito. Só quem tem os blocos F(acho que a TIM no DDD11) e os J+L(Vivo) vão conseguir operar 10Mhz em LTE B1 mantendo WCDMA. Talvez espremendo mais 1,4Mhz pra cima de uma das guard bands.

evefavretto

Usam ainda? Por que acho que todas já esticaram o refarming pra 10, 15, 20Mhz ou pra cima de outra banda.

Até a TIM que tinha 5Mhz em B1 por aqui perto tem B3 15Mhz também.

evefavretto

ACHO que talvez precisem de uma placa no baseband unit pra LTE, mas deve depender do modelo e fabricante.

Com certeza precisam pagar extra pro fabricante.

evefavretto

LTE em 5Mhz de largura é meio...lamentável(37,5Mbps de máximo teórico).

Espero que estejam usando 256QAM(48,95Mbps em 2x2MIMO) e 4x4MIMO(97,9Mbps combinado com 256QAM) pra espremer mais capacidade desse naco estreito de frequência.

evefavretto

Os recentes sim, nem todos os antigos.

Mas a migração de iDEN pra SMP provavelmente subiu no telhado pelo custo. A Nextel não tem muito dinheiro sobrando, deve sair muito mais barato licenças e plaquinhas pra atochar nas ERB que pagar o que a Anatel tá pedindo e só aí poder montar uma rede nova.

Blackberry

Nextel tem VoLTE?

Lucas Frade de Campos

Nextel +Happy com 15 gb de internet e ligações ilimitadas está lacrando a concorrência!

Fábio

Gosto bastante da Nextel.
Aqui no Rio - Capital - a cobertura deles é excelente.
Dificilmente encontro alguma área de sombra.
E os preços são bem atrativos.

Yehudi Everton

I Love Nextel :