Início » Negócios » Uber passa a valer US$ 72 bilhões após investimento da Toyota

Uber passa a valer US$ 72 bilhões após investimento da Toyota

O serviço de transporte e a montadora trabalharão em conjunto para desenvolver carros autônomos

Victor Hugo Silva Por

O valor de mercado do Uber subiu após um acordo realizado com a Toyota. A montadora japonesa concordou em investir US$ 500 milhões e, segundo o Wall Street Journal, considerou que o serviço de transporte vale US$ 72 bilhões.

Em comparação, a também japonesa Softbank entendeu que o Uber valia US$ 48 bilhões em dezembro de 2017, quando adquiriu 20% da empresa. O novo acordo com a Toyota prevê um trabalho conjunto para o desenvolvimento de carros autônomos.

Uber

Por meio de um comunicado, o Uber disse que irá fornecer o sistema de direção autônoma que será utilizado pela minivan Toyota Sienna. “Em vez de possuir e operar a frota de veículos autônomos, essas minivans serão de propriedade e operadas por um terceiro acordado”.

A parceria representa uma mudança no modelo de negócios do Uber com carros autônomos. Até então, a empresa ficava responsável pelos carros fabricados por montadoras parceiras, como a Volvo. Os novos veículos da Toyota deverão começar a ser testados em 2021, na própria rede do Uber.

Segundo a Toyota, a parceria visa oferecer a direção autônoma em larga escala. A empresa batizou a solução que será desenvolvida como “Autono-MaaS” (autonomous-mobility as a service ou mobilidade autônoma como serviço).

A montadora também declarou que os veículos usarão recursos de segurança das duas empresas. “O sistema de direção automatizada do Uber e o sistema Toyota Guardian irão monitorar de forma independente o ambiente do veículo e a situação em tempo real”.

A estratégia parece ser mais acertada visto que, no acidente ocorrido em março, o Volvo autônomo usado em testes estava com o freio de emergência desativado. Segundo autoridades, ele poderia ter evitado a colisão que matou a pedestre, Elaine Herzberg, de 49 anos.

O acidente ocorrido na cidade de Tempe, no Arizona, fez o Uber interromper temporariamente os testes de carros autônomos nas ruas. Eles voltaram a ser realizados em julho, mas com uma participação maior de seres humanos.

Com informações: Uber, Toyota, Engadget.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Silas Silva Ferreira

- Na verdade meu caro você talvez não entenda muita coisa de Capitalismo. Mais vamos lá. A UBER como qualquer Empresa faz seus motoristas trabalharem para eles. Para no final com a ´´mais valia´´ comprar um sistema para substituir os próprios motoristas. Bom se você assistisse o Filme ´´Os Tempos Modernos´´ de Charles Chaplin. Entenderia.
- No caso a UBER conseguir fazer que seus ´´parceiros´´ trabalhasse para ela. Em contra partida a Empresa fica com 80 % e o motorista com 20 %. Correto?
- Não! A empresa fica com 100 % vou explicar. O motorista precisa ter o Carro, IPVA, Gasolina e outras Burocracias. A empresa manter a infra estrutura. Operadores de telemarketing, marketing, publicidade e contabilidade. Tudo isso com o lucro do trabalhador. A mais o motorista ´´ganha´´ os 20 % sim. Porem carro tem amortização com o tempo. Há UBER fica com o dinheiro faz a repatriação do dinheiro para o Exterior. Eles compram carros autônomos. Para não gastar dinheiro com o trabalhador. Esse e o sonho de todos os Capitalistas. Gostam de ganhar dinheiro apenas com as ´´horas produtivas´´ e nenhum tipo de gastos. E o melhor o carro pode ser comprado uma única vez. Pouca manutenção. E o Estado claro vai querer dar muitos benesses. Porem não podemos garantir que a Empresa sempre terá clientes. Porem fazendo corridas a R$ 10,00 do Congonhas ate Guarulhos - SP. Aposto que sim. O que motorista da UBER jamais aceitaria.

João

pq?

Abra

A parceria é pra por o sistema para o carro dirigir sozinho.

Welber Maba

Já tem dinheiro em caixa para pagar os direitos trabalhistas 😂😂😂😂

Luiz Paulo Kenny

uma das maiores burrices da história... quero ver quando o Uber começar a ser finalmente obrigado a agir legitimamente com seus clientes... pois é sim uma relação de serviço... serviço de Software... e portanto deveria ser valor fixo.. não possuem direito algum sobre o lucro resultante do comercio .... o uber cobrar como cobra atualmente não é certo... os supermercados não Pagam % sobre o valor de mercadoria vendida para empresas de Software por estar usando o software para fazer venda de produtos.. e sim.. em comercios o software tambem possui cartão de crédito integrado então isso tambem não é motivo para pretextos... o fato é que o serviço de software prestado pelo uber esta sendo exageradamente mal entendido pelas autoridades competentes por regimentar a maneira como serviços de softwares podem ou não cobrar por seu serviço... imaginem só ...estão prestando serviço de software e em vez de cobrar o valor do serviço estão se metendo a querer ser sócio do negócio .... algum dono de supermercado daria sociedade à empresa de Software só por estar usando o software ? não neh... a Microsoft cobra valor mensal fixo ou valor fixo na venda do software... e todas outras empresas de software tambem agem assim... só o Uber e cabify que estõa fazendo isso de se meter a cobrar % sobre o valor total bruto adquirido pelo usuario do programinha em seu serviço do mundo real... ou seja... é muita ganância... e é algo a ser combatido... o serviço de software em si não vale nem 20 centavos.. é apenas um sistema de chamar carros... e o GPS é o do proprio Google.. o sistema de cobrar por km x tempo é apenas uma programação simples... que qualquer tacógrafo consegue contabilizar... é um calculo simples... não vale nem 20 centavos este serviço de software por corrida... então não possuem direito algum de cobrar % sobre o valor total da Corrida... e sim.. apenas sobre o serviço de chamar carro ... e de e o serviço de "calcular " valor x distancia... que é um calculo matemático... e o serviço de integrar ao cartão de credito... ou seja... 3 serviços que este software presta... e portanto .. 3 serviços que possuem valor fixo de cobrança... logo... não há motivo algum para a UBER cobrar % como se o carro fosse dela pois não é ... sócio é quem investe... .a UBER não investe no negócio.... a uber apenas presta serviço de software... e aliás serviço este que possui concorrentes... o que prova portanto que é algo não exclusivo.. não patenteado.. e não impossivel de outros fazer tambem... o que não justifica ser sóciedade e sim apenas prestação de serviço de software... o que por sua vez ... não caracteriza em nenhum momento motivo algum para a cobrança ser feita com Porcentagem % como está sendo feito... isto é injustiça... a Justiça tem de enxergar isto e obrigar a se adequarem a leis de Software ou então permitir que a Microsoft e todas as outras empresas de Software que possuem programas rodando em empresas diversas tambem cobrem então assim por % sobre o valor Total de dinheiro movomentado pelas empresas... imaginam só a Petrobras tendo de pagar 25% do seu lucro bruto total para a Microsoft só porque existem computadores na empresa e todos os calculos das maquinas e robôs ligados e e tambem movimentos Financeiros passam por Computadores ? imaginem só isso.... ou imaginem postos de Gasolina tendo de pagar 25% do seu lucro para a IBM ou para a Microsoft por ter computadores .... ou os supermercados tendo de pagar 25% de tudo que vende para as empresas que fazem os programas de loja só porque o Programa foi essas empresas que fez... ou seja... isso é inconcebível e não cabe em lugar nenhum.,... pois bem... é esse erro que a UBER está cometendo e cobra dessa forma dos motoristas... e ainda se justifica dizendo que é socíedade...mas não é sociedade pois a UBER não contibui com nada para a compra do Carro nem paga o Salario ao Motorista nem paga a gasolina nem o IPVA nem nenhum outro gasto.. a uber não é SOCIA na pratica... só no Papel.... e isso já é infringir a lei tambem... ou seja... ta tudo errado... o governo tem de ver isso.. .e a toyota se investiu na Uber é porque está sendo safada tambem.. tem mais é de quebrar a cara a Toyota pra aprenderem a não ser olho grande .

zoiuduu .

pq?

paulinho da bahia

Vamos ver como será o destino da automação porque todos prometem todos anos.

Matheus Cardoso

eita, vou comprar

Whebert Souza

O titulo esta errado, são bilhões.