Início » Celular » Motorola One é oficial, com Android puro, notch e hardware intermediário

Motorola One é oficial, com Android puro, notch e hardware intermediário

Motorola One e One Power terão atualização para Android P e Android Q, além de correções de segurança mensais por três anos

Paulo Higa Por

Não que você ainda não os tenha visto, mas a Motorola anunciou oficialmente nesta sexta-feira (31) o Motorola One e o Motorola One Power, dois smartphones com hardware intermediário e notch no formato do iPhone X. Eles participam do Android One, programa do Google que garante atualizações de sistema e patches de segurança com mais rapidez.

São dois modelos, que se diferenciam pela tela e pelo hardware, compartilhando alguns detalhes com o Motorola P30, voltado para o mercado chinês. Tanto o One quanto o One Power têm design com traseira de vidro, um entalhe na tela (mas mantendo um “queixo” com a marca da Motorola), uma câmera de 8 megapixels para selfies e uma dupla de 13 megapixels com reconhecimento de profundidade na traseira.

Nem todas as especificações foram divulgadas. A Motorola diz que o One tem processador octa-core Snapdragon 625 de 2,0 GHz, tela de 5,9 polegadas (1520×720 pixels) e “um dia inteiro de bateria com uma única carga”. Já o One Power chega com um octa-core Snapdragon 636 de 1,8 GHz, tela de 6,2 polegadas (2280×1080 pixels), 64 GB de armazenamento e “até dois dias de bateria”.

Motorola One

Eles vêm de fábrica com o Android 8.1 Oreo, mas a Motorola promete que os aparelhos estarão “entre os primeiros a serem atualizados para o Android 9 Pie”. Além disso, como prevê o programa do Google, o Motorola One e o One Power receberão o Android Q (10.0?) e correções de segurança mensais por três anos após o lançamento global.

O Motorola One será vendido na Europa, América Latina e Ásia a partir de setembro, com preço sugerido de 299 euros, enquanto o One Power desembarca na Índia em outubro, sem valor definido. Ainda não há informações sobre preço e disponibilidade no mercado brasileiro.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Júlio César

Agora sim faz sentido kkk valeu ;)

Ed. Blake

Eu me expressei errado. O A2 vale a pena, o A2 lite não.

Só pelo custo x SoC. O SD625 é um SoC de dois anos já e a diferença é pouca entre ele e o SD636.

nice guy

Os bootloops da LG são problemas crônicos de hardware, não relacionados ao Android em si.

Jefferson Rodrigues

Bootloop não se resolve com a reinstalação do Android?

Jefferson Rodrigues

Qual deveria ser a resolução ideal para esse tamanho de tela?

Rodrigo Gonçalves

5 anos de atualizações. Já é suficiente pq qq um considerar isso como diferencial

Júlio César

Vou olhar esse Zenfone, num primeiro momento eu achei ele bem interessante. O que eu gostei do A2 foi a câmera, é o que mais me interessa na verdade. Aproveitando o espaço: nessa faixa de preço, tem alguma indicação além do M1? Valeu.

Júlio César

Por que você acha o A2 Lite mais interessante? Ou entendi errado? kk

Ed. Blake

Uma boa compra também, para quem não quer arriscar comprar da china e/ou não se importa com ROM customizada.

Ed. Blake

Mi A2 sim, A2 lite não.
Mas pelo preço, recomendo esperar um pouco as avaliações do Pocophone F1.

Para quem curte instalar custom ROM, tanto o A2 quando o F1 prometem ser um prato cheio.

🧙‍♂️ Mago Erudito® ᴾᴿᴱᴹᴵᵁᴹ

Indiquei pra minha namorada um Zenfone 3 e a câmera travava demais, pra mim era praticamente impossível usar aquilo.

E LG é bootloop até dizer chega!

mclroto

Um detalhe que só fui perceber depois e muita gente ainda n percebeu, o Asus não faz parte do projeto Android One, ele tem o Android puro mas n Android One, é mais ou menos como o que a Motorola Fazia/faz, mas as atualizações dele ainda vem por decisão da Asus.

🧙‍♂️ Mago Erudito® ᴾᴿᴱᴹᴵᵁᴹ

Não compro mais ASUS e LG.

Júlio César

Cê acha que o Mi A2 por 1250$ furada? Tava pensando em comprar...

John Smith

Assim é fácil prometer duas atualizações de sistema, basta lançar já defasado em uma...

Exibir mais comentários