Início » Computador » Vendas de PC crescem 14% no Brasil durante o segundo trimestre

Vendas de PC crescem 14% no Brasil durante o segundo trimestre

Boa parte do crescimento veio de compras do governo e do mercado educacional, mas varejo teve alta de 5,3% nas vendas

Felipe Ventura Por

A venda de computadores no Brasil teve mais um trimestre positivo, segundo a IDC. Em abril, maio e junho, foram comercializados 1,4 milhão de PCs, alta de 14% em relação ao mesmo período do ano passado. Boa parte do crescimento veio de compras do governo e mercado educacional, devido às eleições.

“Tradicionalmente, em anos de eleição, as compras são intensificadas para garantir atualização do parque em caso de mudanças ou futuros congelamentos nos investimentos”, diz Wellington La Falce, analista de pesquisa da IDC, em comunicado.

No entanto, o varejo também teve alta nas vendas: foram 887 mil computadores, aumento de 5,3% em um ano.

Foto por Jan Vašek/Pixabay

Em termos de faturamento, os PCs movimentaram R$ 3,56 bilhões no segundo trimestre, ou 27,5% a mais do que há um ano. O preço médio também aumentou para os desktops (R$ 2.190, alta de 11%) e notebooks (R$ 3.243, alta de 6,5%). O principal motivo é a valorização do dólar.

Há alguns anos, falava-se da “morte do PC”, que seria gradualmente substituído por smartphones e tablets. É verdade que muitos brasileiros acessam a internet apenas pelo celular; também é verdade que a venda de computadores está em alta. Isso vale especialmente para notebooks, que compõem 70% das vendas de PC.

Venda de PCs terá alta no terceiro trimestre

A IDC prevê uma leve alta de 6,3% nas vendas de computadores para o terceiro trimestre, em relação ao mesmo período do ano passado.

E para 2018 como um todo, a expectativa é que o mercado cresça 5%. “Fabricantes e varejistas devem realizar ações para que o consumidor adiante suas compras durante este ano, já que há muitas incertezas em relação à 2019 que podem impactar no poder de compra do consumidor”, afirma La Falce em comunicado.

Comentários

Envie uma pergunta

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Hélio Márcio Matos dos Santos

Nada fora do que eu esperava. Essa "morte dos PC's" não vai acontecer. É tudo fase. Computadores duram muito tempo, principalmente agora que os modelos estão mais potentes. Depois dessa fase, vai haver outro declínio até que essas máquinas precisem ser trocadas novamente. Conheço gente com o mesmo computador há 7 anos ou mais.

Caleb Enyawbruce

E tinha muita gente que dizia que ele estava morto...

Bruna C. C. de S. Wojtenko

Atualmente tablet virou brinquedo de criança.

Felipe Liʍa

leitor do tecnoblog ja sabe

Felipe Liʍa

dolar a 4 real... melhor esperar

Felipe Liʍa

Positivo e seus acordos com os governos q o diga ¯\_(ツ)_/¯

Felipe Liʍa

salva na nuvem

Felipe

Peguei meu PC Gamer esse ano mais confesso que jogo bem poco nele jogo mais no PS4 mas Gosto muito mais do PC do que do Smartfone acho muito mais confortável consumir conteúdo pelo PC, cel praticamente só quando não estou em casa

marcos_5000

Falar em morte do PC é a mesma coisa que falar de morte da rádio ou da TV.
Chegou uma tecnologia nova, tem grande adesão, mas não quer dizer que a outra tecnologia irá morrer.

Marcus Araújo

Sempre desconfiei dessa "morte dos PCs" porque por mais avançado que seja um smartphone ou tablet, ainda assim não possui todas as funcionalidades e não atinge todo o potencial que só um computador pode atingir.

Quem decretou essa morte na época foi gente improdutiva que achava que PC só servia para acessar o Facebook.

São produtos que até fazem algumas coisas de forma parecida, mas nunca fizeram a mesmíssima coisa da mesmíssima forma.

Keaton

Problema de ter um só dispositivo é ter o celular furtado e perder tudo. D:

Juninho

Ter um notebook realmente é muito vantajoso, sem contar que tem muito smartphones por aí muito mais caros que o um notebook que faria trabalhos muito mais interessantes

Jefferson

E quais as outras?

Marsupial radical

Mas pois é, mas sabe, mas, mas?

Ivo Machado

Concordo, mas espero que chegue o dia em que tenhamos funcionalidade como o Dex ou o Continuum que permitam ter um dispositivo só.

Exibir mais comentários