Início » Negócios » Dona do AliExpress quer montar centro de distribuição em Viracopos

Dona do AliExpress quer montar centro de distribuição em Viracopos

Responsável pelo AliExpress, chinesa Alibaba estaria interessada em comprar concessão do Aeroporto de Viracopos para melhorar sua logística no Brasil

Por
50 semanas atrás

O Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), passa por uma grave crise financeira. A solução para o problema, pelo menos em parte, pode vir da China: a gigante Alibaba, responsável pelo site de comércio eletrônico AliExpress, estaria considerando criar um centro de distribuição no aeroporto.

Alibaba

A informação vem da Folha de S.Paulo, que explica também que a Global Logistic Properties (GLP), que representa a Alibaba no Brasil, já trata do assunto com a Aeroportos Brasil, grupo que controla Viracopos.

Para colocar o plano em ação, os chineses estariam considerando adquirir uma parte majoritária da concessão pertencente à Aeroportos Brasil (51%), que é formada pelas construtoras UTC, Triunfo e Egis. A Infraero aparece aqui com 49% de participação.

Se o plano for concretizado, a Alibaba deverá desenvolver um projeto para fazer Viracopos ter mais estrutura para transporte de cargas e menos para movimentação de passageiros. Faz sentido se levarmos em conta que o número de pessoas que usam o aeroporto de Viracopos vem caindo nos últimos meses.

Certamente, essa estrutura incluirá meios de priorizar o tráfego dos aviões que operam a serviço da própria Alibaba. Não é difícil entender a intenção dos chineses: em 2017, o Brasil foi o quarto país que mais comprou no AliExpress.

Serviço de cargas de Viracopos

Serviço de cargas de Viracopos

O grupo também estaria planejando montar operações no país para oferecer serviços de crédito e desenvolver projetos de logística. Além de melhorar a distribuição dos produtos, eventualmente, a iniciativa poderá ajudar a Alibaba a aumentar a sua presença em toda a América Latina.

Por enquanto, nenhuma das partes comenta o assunto. Mas, se a Alibaba tiver mesmo interesse pelo aeroporto, poderá enfrentar concorrência pesada: o grupo CCR, que já detém a concessão do aeroporto de Confins (MG), também estaria interessado em Viracopos.

Participe das conversas do Tecnoblog

Leia o post inteiro antes de comentar
e seja legal com seus amiguinhos.

Carregar Comentários Conheça nossa política de comentários aqui.