Início » Celular » Partes internas dos iPhones XS e XS Max são semelhantes ao iPhone X

Partes internas dos iPhones XS e XS Max são semelhantes ao iPhone X

iPhone XS e XS Max trazem partes internas muito semelhantes ao iPhone X do ano passado

Por
1 ano atrás

Como de costume, o iFixit colocou as mãos nos novos modelos de iPhone e desmontou tanto o iPhone XS, como o XS Max. Além de imagens para o deleite dos amantes de componentes internos minúsculos, o site americano notou que a variante menor tem uma nova bateria em L, que agora aparenta ser feita com apenas uma célula.

Como era de se esperar, além dos dois novos celulares trabalharem com quase que o mesmo visual do iPhone X do ano passado no lado de fora, por dentro a aparência também é muito semelhante. As duas variantes do topo de linha que foram lançadas neste ano utilizam bateria em formato de L, mas o iPhone XS colocou o conjunto em apenas uma célula visível, enquanto que o iPhone XS Max mantém o padrão dividido que já estava no modelo do ano passado.

Outro ponto que chamou atenção do site é que não há clara evidência de melhorias na proteção contra água, que passou de IP67 para IP68 neste ano. Nos interiores a mesma borracha para vedação está presente, quando comparado com o iPhone X. Junto de outras partes, a Apple também adicionou mais um componente que tem seu próprio nome, já que o chip voltado para gerenciamento de energia tem o logo da empresa – junto de partes como bateria, processador e do motor de vibração.

O ponto negativo é que se você não gosta de calombo na câmera, saiba que ele está pouca coisa maior neste ano – mais um motivo para você sair da loja com uma capinha na sacola, se não quiser riscos aparecendo em todas as fotos.

Para o site, que é especialista em abrir tudo quanto é produto eletrônico e mostrar o tutorial para reparos, os novos iPhones conseguiram uma marca de 6, em uma escala que vai até 10 (onde 10 é o nível de reparo mais simples e fácil). As considerações finais foram:

Vidro na parte frontal e traseira aumenta a chance de quebrar estas partes na remoção, medidas para selar o celular complicam o reparo, abrir um iPhone continua obrigando a pessoa a ter chaves proprietárias da Apple, tela quebrada pode ser trocada sem necessidade de comprar componentes do Face ID e reparos em tela ou troca de bateria não necessitam de muito desmonte.

Com informações: iFixit, Engadget e The Verge.